O Natal das ruas

O Natal, que deveria ser de esperança, torna-se em desesperança para muitos

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Natal – Foto: Visual Hunt

O professor Paulo Saldiva faz uma reflexão sobre o Natal, que deveria significar esperança, independentemente de religião ou crença, para todos os que compartilham uma data que tem pouco a ser comemorada pelos mais desvalidos, sobretudo as crianças nascidas em meio à  pobreza e à exclusão social.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados