Homens com “pressão alta” podem participar de atividade física na USP

Voluntários de 30 a 65 anos terão treinamento físico durante 10 semanas na Escola de Educação Física e Esporte, em São Paulo

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Homens de 30 a 65 anos diagnosticados com hipertensão arterial podem participar de um estudo da USP, em São Paulo, que avalia os efeitos do treinamento de força na doença. Os selecionados vão participar gratuitamente de um programa de treinamento físico durante dez semanas, com sessões três vezes por semana na Escola de Educação Física e Esporte (EEFE) da USP, em São Paulo.

Será avaliada a capacidade física do voluntário, observando os níveis de força muscular e aptidão cardiorrespiratória, e realizados exames para avaliação da saúde cardiovascular.

A hipertensão arterial, também conhecida como “pressão alta”, é uma doença crônica  caracterizada pelos níveis elevados da pressão sanguínea nas artérias. Segundo o Ministério da Saúde, o problema é herdado dos pais em 90% dos casos, mas há vários fatores que influenciam nos níveis de pressão arterial, como os hábitos de vida do indivíduo.

Interessados podem entrar em contato com os pesquisadores Rafael Fecchio pelo e-mail rafael.fecchio@usp.br ou telefone (11) 99181-4040, ou Julio Sousa pelo e-mail julio.sousa@usp.br e telefone (11) 98238-3041.

O estudo tem a orientação da professora Cláudia L.M. Forjaz e é realizado no Laboratório de Hemodinâmica da Atividade Motora da EEFE, na Av. Prof. Mello Moraes, 65, campus Cidade Universitária, bairro Butantã, São Paulo.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •