É mãe de bebês gêmeos ou trigêmeos? Participe de estudo da USP sobre microbiota

Objetivo é entender relação entre as bactérias do nosso corpo e a genética para melhorar diagnóstico, tratamento e prevenção de doenças; participantes precisam ser da capital paulista

Atualizado dia 17 de outubro, às 10h15

O Projeto Microbioma Humano, desenvolvido no Centro de Pesquisas em Genoma Humano e Células-Tronco da USP, em São Paulo, está recrutando voluntários na capital paulista.

Podem participar bebês (preferencialmente de até 4 meses) que sejam gêmeos idênticos, gêmeos não-idênticos ou trigêmeos (dois idênticos e um não-idêntico) e suas mães.

Trata-se de um estudo sobre as bactérias que naturalmente hospedamos em nosso corpo – o que chamamos de microbiota, a correlação delas com a nossa genética e o ambiente em que vivemos, e a influência dessas bactérias em nossa saúde.

Segundo os pesquisadores responsáveis, entender quanto da microbiota depende dos genes e quanto depende do ambiente será muito importante para, no futuro, desenvolver ferramentas que auxiliem no diagnóstico, tratamento e prevenção de doenças como Parkinson, Alzheimer e autismo.

Como participar

Os voluntários doarão pequenas amostras de saliva e fezes para análise da microbiota oral e intestinal, e responderão a questionários de acompanhamento clínico e alimentar.

Os kits de coleta serão fornecidos e retirados na casa dos participantes uma vez por mês. Com esse material, serão feitas análises para avaliar a quantidade e diversidade de bactérias e caracterizar os habitantes naturais do intestino e da boca que ajudam a regular nossa saúde e doença.

Entenda melhor o estudo no vídeo de divulgação:

 

Entre em contato e tire suas dúvidas pelo e-mail larissarb.matos@usp.br ou pelo WhatsApp (11) 95847-5873, com a pesquisadora Larissa Matos.

 

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.