Você sabia que a USP tem um acelerador de partículas?

Equipamento está instalado na torre do Instituto de Física (IF), no campus Cidade Universitária, em São Paulo

Por - Editorias: Universidade, TV USP
Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail
Instituto de Física está localizado no campus Cidade Universitária, em São Paulo – Foto: Jorge Maruta/USP Imagens

Na imagem acima, temos uma vista aérea dos prédios do Instituto de Física (IF) da USP, no campus Cidade Universitária, em São Paulo. O nome da unidade se destaca nessa grande torre, mas você sabe o que tem dentro dela? Ali está o acelerador Pelletron, instalado o Laboratório Aberto de Física Nuclear (LAFN) do Departamento de Física Nuclear (DFN).

O equipamento é uma máquina eletrostática do tipo Tandem – em outras palavras, um gerador de eletricidade em alta tensão que aproveita o campo elétrico produzido em duas etapas – utilizada para pesquisas com íons pesados.

Embora sua existência possa ser desconhecida por parte da comunidade universitária, o acelerador de partículas é o motivo pelo qual foi construída a imensa torre do IF, em 1972. São 34,65 metros de altura, sendo que o equipamento ocupa três dos dez andares existentes.

Além de abrigar o acelerador, é no interior da torre onde ocorre todo o transporte dos feixes iônicos com os quais o LAFN trabalha, que vão do oitavo andar, saindo da fonte de íons, ao térreo, chegando nas canalizações da área experimental, cada uma dedicada a uma finalidade de pesquisa específica. Quer saber mais sobre o Pelletron? Assista ao vídeo:

.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados