Professor da USP receberá o Prêmio Ordem do Ipiranga

José Carlos Seixas será homenageado com a mais elevada honraria do Estado de São Paulo

Por - Editorias: Universidade
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail
Seixas foi professor da Faculdade de Saúde Pública de 1964 a 2007 e ocupou diversos cargos na administração pública – Foto: Revista Consensus (Conass)

O professor José Carlos Seixas, docente aposentado do Departamento de Política, Gestão e Saúde da Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP, receberá nesta terça-feira, 5 de setembro, o Prêmio Ordem do Ipiranga, na categoria Grande Oficial, pelos serviços públicos prestados à saúde pública do País.

Nascido em Marília, no interior de São Paulo, em 19 de dezembro de 1937, Seixas formou-se médico, sanitarista, administrador hospitalar e doutor em Saúde Pública pela USP e Planejador em Saúde pelo Centro de Estudos de Desarollo (Cendes) da Organização Panamericana de Saúde (Opas), no Chile.

Seixas foi professor da Faculdade de Saúde Pública de 1964 a 2007. Lecionou ainda na Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, na Pontifícia Universidade Católica (PUC), nas Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU) e na Escola Nacional de Saúde Pública do Ministério da Saúde. Atuou nos Ministérios da Saúde (ocupou o cargo de ministro interinamente, em várias ocasiões, entre 1974 e 1996) e do Trabalho, na Secretaria do Planejamento da Presidência da República e exerceu a função de coordenador de Pesquisa de Desenvolvimento Social em Saúde do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). No governo do Estado de São Paulo, foi secretário adjunto de Saúde entre 2000 e 2001. Nesta secretaria, também ocupou diversos cargos de direção desde 1969, além de ter coordenado a Superintendência de Controle de Endemias (Sucen) em 1997. Foi assessor técnico do ex-secretário Luíz Roberto Barradas Barata, na Secretaria de Estado da Saúde.

A Ordem do Ipiranga é a honraria mais elevada do Estado brasileiro de São Paulo, reservada aos cidadãos brasileiros e estrangeiros que prestaram serviços notórios aos paulistas. A Ordem do Ipiranga foi instituída pelo decreto nº 52.064, de 20 de junho de 1969 e regulamentada pelo Decreto nº 52.078, de 24 de junho de 1969, ambos editados pelo governador Roberto Costa de Abreu Sodré. Os graus hierárquicos da Ordem são: Grã-Cruz, Grande Oficial, Comendador, Oficial e Cavaleiro.

A cerimônia do dia 5 é aberta a quaisquer interessados e ocorrerá no Palácio dos Bandeirantes, no Salão dos Pratos – Av. Morumbi, 4.500, em São Paulo.

Da Assessoria de Imprensa da FSP, com informações do Cerimonial do Palácio dos Bandeirantes e do Boletim do Instituto de Saúde 

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados