Parque tecnológico sediado na USP cria “clube” de empreendedorismo

Programa Membership do Supera tem como objetivo conectar e capacitar pessoas, fortalecendo o ecossistema de inovação

Por - Editorias: Universidade - URL Curta: jornal.usp.br/?p=197593
  • 104
  •  
  •  
  •  
  •  
Projeto surgiu da necessidade de unificar e fortalecer o ecossistema empreendedor de Ribeirão Preto e região – Foto: Divulgação/Supera Parque

.
Uma espécie de clube de empreendedorismo é a novidade que o Supera Parque de Inovação e Tecnologia criou, com objetivo de unificar e fortalecer o ecossistema empreendedor de Ribeirão Preto. O programa Membership, voltado para empreendedores de startups, grandes empresas, investidores e pessoas físicas, atua por meio de três pilares: suporte, conectividade e capacitação, e é acessível para todos os envolvidos em ecossistemas de inovação.

O programa conta com uma rede de parceiros e mentores que ajudam a acelerar o processo de evolução das startups e do ambiente de inovação como um todo. “Na prática, o Supera Parque vai promover atividades dentro desses três pilares gerando conexões e novos negócios também para as empresas que não estejam instaladas no Parque Tecnológico”, diz Eduardo Cicconi, gerente do Supera Parque.

No primeiro pilar, que é o de suporte, o programa deve promover encontros com mentores, oferecer formas para que os membros do grupo tenham acesso aos laboratórios de pesquisas e aos professores da USP, e auxílio para a escrita de projetos para órgãos de fomento. Além disso, os participantes terão acesso facilitado às ferramentas e aos serviços de parceiros, e acesso à infraestrutura do Supera Parque”, explica.

O gerente explica que a ideia é também envolver os atores do ecossistema, possibilitando um ambiente propício para novos negócios e criação de ideias. “Para isso, vamos promover, por exemplo, o contato entre serviços de startups, com investidores e mentores. Outra iniciativa importante é o incentivo à participação em feiras e eventos internacionais”, diz.

Os participantes também terão acesso a capacitações gerais e específicas, por meio de workshops técnicos para capacitação de profissionais para a nova dinâmica de mercado, cursos específicos com objetivo de especializar profissionais, e cursos sob medida para necessidades internas das empresas associadas.

O time de mentores é composto de profissionais que vivem o dia a dia do empreendedorismo e inovação, em diversas áreas de atuação, incluindo administradores, economistas e psicólogos. “A mensalidade do programa é de R$ 199 por mês e os interessados em fazer parte do programa podem se inscrever pelo site. Os membros do programa têm acesso a diversos benefícios como eventos exclusivos, isenções em cursos pagos, mentorias individuais ou coletivas, entre outros”, enfatiza Cicconi.

Informações sobre como se associar ao programa pelo telefone (16) 3315-0735 ou pela página do programa Membership.

Supera Parque

O Supera Parque de Inovação e Tecnologia de Ribeirão Preto é resultado de uma parceria entre a Fipase, a Universidade de São Paulo (USP), Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto e Secretaria de Desenvolvimento do Estado de São Paulo. Instalado no campus da USP local, o parque abriga a Supera Incubadora de Empresas, o Supera Centro de Tecnologia, a associação do Arranjo Produtivo Local (APL) da Saúde, o Polo Industrial de Software (PISO), além do Supera Centro de Negócios.

Ao todo, são 81 empresas instaladas no parque, sendo: 58 delas na Supera Incubadora de Empresas de Base Tecnológica; 16 empreendimentos no Centro de Negócios e sete na aceleradora SEVNA Seed.

Da Assessoria de Comunicação do Supera Parque

  • 104
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados