Obra traz aspectos teóricos e práticos relacionados à ação das enzimas

A obra “Fundamentos de Cinética Enzimática”, do professor Francisco de Assis Leone, da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto, apresenta tópicos atualizados para fornecer ao leitor uma base sólida para a compreensão da enzimologia moderna

 08/06/2021 - Publicado há 4 meses
Por
O novo livro do professor Francisco de Assis Leone – Foto: Reprodução

 

Publicada pela Editora e Livraria Appris, com 349 páginas, a obra Fundamentos da Cinética Enzimática, de autoria do professor Francisco de Assis Leone, do Departamento de Química da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP) da USP, apresenta uma série de tópicos atualizados que constituem a base da cinética enzimática moderna.

Segundo o autor, “é inédita no Brasil e representa uma importante ferramenta para a compreensão dos aspectos teóricos e práticos relacionados com a ação das enzimas, com uma abordagem pragmática que aproxima o leitor ao tema da enzimologia”.

O professor propõe uma leitura didática, em que os fundamentos da cinética enzimática e o complexo tratamento matemático que envolve a manipulação dos dados cinéticos podem ser facilmente compreendidos e aplicados até mesmo para o leitor iniciante. “É um guia valioso tanto para pesquisadores experientes e iniciantes, como para estudantes de graduação e pós-graduação em Química, Biologia, Medicina, Farmácia, Bioquímica, Física-Médica, Ciências Biomédicas, Agronomia, Veterinária e áreas afins, na complexa área da análise cinética.”

Além da literatura primária, Fundamentos de Cinética Enzimática contém uma lista atualizada de artigos, de revisões e livros que complementam e aprofundam tópicos mais específicos, como apoio a especialistas, tanto no planejamento como na execução de experimentos. “O objetivo da obra é fornecer ao leitor uma base sólida para a compreensão da enzimologia moderna.”

Mais informações aqui.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.