Série de conteúdos produzidos pelo projeto Ciclo22, que remete à reflexão da USP sobre quatro grandes marcos (1822, 1922, 2022 e 2122): o bicentenário da Independência do Brasil, o centenário da Semana de Arte Moderna, o tempo presente e os desafios para os próximos 100 anos

Arte sobre fotos / ECA Wikipedia

O que dizem as Artes e Comunicações sobre 1822 e 1922?

Escola de Comunicações e Artes da USP tem promovido eventos, projetos e outras iniciativas sobre acontecimentos históricos ocorridos no Brasil

 01/04/2022 - Publicado há 4 meses

Crisley Santana

A Escola de Comunicações e Artes (ECA) da USP, em São Paulo, tem realizado diferentes iniciativas que remetem ao bicentenário da Independência do Brasil e ao centenário da Semana de Arte Moderna, ambos comemorados em 2022.

Os projetos, desenvolvidos por docentes e estudantes, vão de periódicos e eventos acadêmicos a produções audiovisuais e manifestações artísticas. Tais iniciativas estão vinculadas ao Ciclo22, projeto da USP que se propõe a refletir criticamente sobre os marcos históricos de 22 e agrupar as atividades universitárias relacionadas aos temas. 

As iniciativas estão elencadas na aba ECA no Ciclo22, localizada dentro do portal oficial da escola. Algumas delas são:

Marca Ciclo22

criação da marca que representa o projeto desenvolvida por estudantes do curso de Publicidade e Propaganda da ECA Felipe Soares Miranda, Fernanda Bispo Luiz, Mariana Mente Marubayashi, Mayanna Yumi Souza dos Reis, Paulo Gabriel Leandro Belarmino Cristovão e Robson Lima dos Santos, com coordenação do professor Bruno Pompeu, do Departamento de Relações Públicas, Propaganda e Turismo (CRP)

Produção intelectual

todas as produções acadêmicas e intelectuais, como teses, dissertações, artigos e reportagens reunidas para pesquisa

Produções em disciplinas

criação de jogos relacionados ao livro Macunaíma, clássico da literatura modernista escrito por Mário de Andrade. A iniciativa é do professor Gilson Schwartz, do Departamento de Cinema, Rádio e Televisão (CTR)

Inspiração Gilberto Mendes

Canto coral de 1922 e 2022, imaginando 2122: atividades relacionadas aos marcos de 22 e ao centenário do nascimento de Gilberto Mendes, compositor e professor de Composição no Departamento de Música (CMU). A coordenação é dos professores Susana Cecilia Igayara-Souza e Marco Antônio da Silva Ramos, do CMU

CEPEcast

podcast que faz alusão à Semana de Arte Moderna, coordenado pelo professor Eduardo Tessari Coutinho, do Departamento de Artes Cênicas (CAC)

Arte no Rádio

programa transmitido pela Rádio USP sobre peças teatrais, com coordenação do professor Luiz Fernando Ramos, também do CAC, e da pós-doutoranda Cynthia Gusmão

Desvairada

revista virtual com textos, músicas, imagens e vídeos que remetem ao Modernismo brasileiro. A coordenação é do professor uiz Fernando Ramos

Agenda

calendário produzido pela ECA para agrupar as atividades sobre 22 que irão ocorrer ao longo do ano

Para o professor Wagner Souza e Silva, presidente da Comissão de Cultura e Extensão (CCEx) da ECA, os temas explorados pela escola representam conexão com os objetivos do Ciclo22.

Tanto as artes como as comunicações têm papel fundamental dentro do que foi proposto pelo projeto Ciclo22. Podemos dizer, de maneira geral, que são áreas que lidam, respectivamente, com a sensibilidade e o diálogo, ou seja, elementos fundamentais para permitir este amplo processo de reflexão sobre o nosso passado, presente e futuro”, disse.

Para ele, a criação do portal, que reúne as atividades produzidas pela escola, pode ampliar o alcance de tais iniciativas. “Para organizar essa produção, criamos uma seção específica no site da ECA, com link direto para o portal do projeto. Entendemos que essa ação é uma forma de manter o tema em destaque na escola ao longo do ano. Importante dizer que obtivemos o apoio da PRCEU (Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da USP) para algumas das iniciativas.”

Foto: Ricardo Alexino

Wagner Souza e Silva, professor e presidente da Comissão de Cultura e Extensão da ECA - Foto: Ricardo Alexino

Com o retorno presencial das atividades acadêmicas, o professor acredita que pode haver ainda mais possibilidades para os projetos realizados pela ECA em parceria com o Ciclo22. “A ECA é uma unidade singular dentro da Universidade, com uma grande produção cultural e extensionista, que ocorre de maneira intensa e em fluxo contínuo. A perspectiva de contribuição com o Ciclo22 pode ser vista como um vetor para propulsionar a visibilidade das diversas frentes de produção cultural da escola”, afirmou.

Acompanhe o projeto Ciclo22 da USP no site: ciclo22.usp.br 
E siga as redes sociais do projeto: 
Twitter | Instagram | Youtube

CONFIRA TAMBÉM SOBRE O CICLO22:


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.