Judocas são alvo de projeto para aproximar jovens da Universidade

A Escola de Educação Física e Esporte de Ribeirão Preto – USP quer atrair alunos dos ensinos fundamental e médio para a Universidade por meio do esporte

  • 5
  •  
  •  
  •  
  •  

A exemplo de universidades do primeiro mundo que investem em atletas, a Escola de Educação Física e Esporte de Ribeirão Preto da USP (EEFERP) iniciou um programa de atração de alunos dos ensinos fundamental e médio para o mundo acadêmico, por meio do esporte. O objetivo é trabalhar com todas as modalidades estudadas pela EEFERP, mas, como ponto de partida, optou-se pelo judô.

No dia 10 de outubro será lançado oficialmente o projeto Judô na EEFERPAproximação entre a Universidade e a Sociedade através do Esporte, que vai apresentar as oportunidades de futuro que a USP oferece aos jovens e a história dos jogos olímpicos, com destaque para o judô e as ideias de seu criador, o professor japonês Jigoro Kano.

Foto: Russ Soukoreff via Flickr – CC

Estudantes do ensino médio e fundamental que estarão no evento são praticantes de judô e integram a equipe da 12ª Delegacia Regional da Mogiana – Federação Paulista de Judô e  participam do Projeto Rumo ao Pódio, coordenado pelo professor Cleber do Carmo. Além da visita às dependências físicas da EEFERP, nesse dia os alunos executarão atividades de judô no tatame.

Além das atividades com os alunos dos ensinos fundamental e médio, o projeto tem dois outros importantes objetivos, o oferecimento de cursos de judô e a criação de um Núcleo de Alto Rendimento. Informações mais detalhadas sobre o projeto Judô na EEFERP – Aproximação entre a Universidade e a Sociedade através do Esporte podem ser encontradas pelo site da Escola.

O lançamento do projeto Judô na EEFERP começa às 8 horas do dia 10 de outubro, no Auditório da Escola. Os interessados em participar podem se inscrever aqui.

Ao relatar sobre a escolha do judô como primeiro esporte para a implantação do projeto, o professor Tito José Bonagamba, do Instituto de Física de São Carlos (IFSC) da USP, um dos idealizadores do projeto em Ribeirão Preto, lembra que o judô tem como um dos fundamentos principais a disciplina dos atletas e se destaca como uma das modalidades olímpicas de maior expressão do País. Além disso, destaca que a cidade de Ribeirão Preto é um centro  importante do judô paulista desde a década de 1960, hoje liderado pelo sensei Cleber do Carmo, delegado regional da Federação Paulista de Judô, 12ª Região –  Mogiana, coordenador do Centro de Excelência de Judô de Ribeirão Preto e parceiro nesse projeto.

O professor lembra também que esse é o segundo movimento de aproximação com o judô, já que a EEFERP organizou, em novembro de 2017, o Workshop Estratégico USP Ciência e Esporte: O judô como modelo de esporte de alto rendimento no Brasil.

A vinda desse projeto, segundo o professor e vice-diretor da EEFERP, Marcelo Papoti, é fundamental, pois aproxima a Universidade da sociedade e concretiza as ações, principalmente pelo fato de a Educação Física ser uma disciplina aplicada. E festeja a parceria com a 12ª Delegacia Regional da Mogiana – Federação Paulista de Judô.

  • 5
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados