Em São Carlos, USP Talks debate a longevidade no próximo dia 26

Pesquisadores da USP e da UFRJ trazem informações sobre como a ciência tem ajudado na longevidade da população

Por - Editorias: Extensão - URL Curta: jornal.usp.br/?p=181492
  • 134
  •  
  •  
  •  
  •  
Foto: Divulgação / USP Talks

.

Um dia nascemos, no outro, morremos. No intervalo, ficamos mais velhos a cada dia vivido. A longevidade está relacionada com a duração da vida e é uma das maiores preocupações da humanidade. Um século atrás, os seres humanos viviam, em média, 35 anos. Hoje, a maioria ultrapassa facilmente os 70. Esse ganho de longevidade só foi possível com os muitos avanços da ciência e tecnologia da saúde nas últimas décadas, apoiados pelo desenvolvimento dos medicamentos disponíveis nas farmácias.

Só que a descoberta de medicamentos está se tornando um processo cada vez mais desafiador, caro e demorado. Quais são as estratégias modernas da ciência para desenvolver novos medicamentos, terapias inovadoras e continuar prolongando a expectativa de vida da nossa espécie? Todos nós queremos viver mais, mas, afinal, até quando poderemos viver? De que maneira os avanços da ciência ampliarão as nossas possibilidades de escolhas, qualidade e expectativa de vida, cotidiano e relações pessoais?

As respostas para essas questões serão discutidas no dia 26 de julho, às 19 horas, na cidade de São Carlos, durante mais uma edição do USP Talks.  Os convidados são Stevens Rehen, especialista em células-tronco e neurociência da Universidade Federal do Rio de Janeiro e do Instituto Dor de Pesquisa e Ensino, e Adriano Andricopulo, especialista em química medicinal e planejamento de fármacos do Instituto de Física de São Carlos (IFSC) da USP, com a mediação de Herton Escobar, jornalista e repórter de Ciência do Estadão.

Foto: Divulgação / USP Talks (Clique na imagem para ampliar)

O USP Talks nasceu em 2016, do desejo de aproximar Universidade e sociedade. O evento, organizado pela Pró-Reitoria de Pesquisa (PRP) da USP, em parceria com o jornal O Estado de S. Paulo e apoio da Fundação Universidade de São Paulo (FUSP) é uma iniciativa com o objetivo promover um debate qualificado com a sociedade sobre temas atuais e importantes do cenário nacional, com a participação de renomados especialistas.

O evento é gratuito e aberto ao público e os convites devem ser retirados a partir do dia 18 de julho, na Assessoria de Comunicação do IFSC, entre às 9 e as 11 horas ou entre as 14 e as 16 horas.

O USP Talks tem duração de uma hora, com duas apresentações de 15 minutos, mais meia hora de debate com o público. O evento será gravado e disponibilizado no canal do YouTube do USP Talks, com transmissão ao vivo pela página do Facebook.

Com informações da Assessoria do IFSC USP e da Assessoria da Pró-Reitoria de Pesquisa

USP Talks São Carlos – Longevidade
Data: 26 de julho 
Local: Teatro Municipal de São Carlos – Rua Sete de Setembro, 1.735 – São Carlos 
Horário: 19 às 20 horas
Capacidade: 400 lugares

  • 134
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados