Enfermagem da USP participa de rede mundial de segurança do paciente

Rede IHI Open School reúne estudantes da área da saúde do mundo todo para discutir segurança do paciente e melhoria do cuidado

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail
Fachada da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto – Foto: Marcos Santos/USP Imagens

A segurança do paciente é essencial para promover a qualidade da assistência prestada pelos profissionais de saúde e também para a melhoria nos processos dos cuidados em saúde. Nesse sentido, a Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (EERP) da USP prepara seus alunos para lidar da melhor forma possível com a segurança e cuidado com os pacientes. E, para enriquecer ainda mais esse aprendizado, o Grupo de Estudos e Pesquisa em Segurança do Paciente da EERP foi selecionado para participar da Rede de Capítulos IHI Open School, que reúne estudantes da área da saúde do mundo todo para discutir assuntos ligados à segurança do paciente e melhoria do cuidado.

A sede oficial do IHI Open School fica em Cambridge, Massachusetts, nos Estados Unidos, e oferece aos membros participantes uma biblioteca que inclui vídeos, estudos de caso, jogos e as mais variadas histórias de pacientes, tudo isso gratuitamente. Disponibiliza, ainda, o Open School Blog, que serve como uma plataforma de publicação dos trabalhos realizados pelos alunos, a fim de melhorar a qualidade e segurança do paciente.

“É uma oportunidade ímpar para conectar os alunos dos cursos de graduação e pós-graduação da EERP com estudantes de todo o mundo com ideias afins.” É o que afirma a professora Fernanda Raphael Escobar Gimenes de Souza, vice-diretora do Grupo de Estudos e Pesquisa em Segurança do Paciente da EERP. Ela conta também que os membros do grupo podem participar gratuitamente de cursos on-line promovidos pela IHI Open School, além de promover eventos e desenvolver projetos ligados ao tema.

Da EERP, sete alunos de graduação e oito de pós-graduação vão participar do IHI Open School, além de cinco docentes. A maior parte das atividades serão a distância, por meio de mídias virtuais. No entanto, há possibilidade de ocorrer intercâmbios e visitas técnicas para outras sedes. A rede envolve 815 sedes, chamadas de capítulos, em mais de 85 países, localizados em campi universitários e instituições de saúde.

O Capítulo IHI Open School da EERP está sob liderança da aluna de doutorado Mayara Carvalho Godinho Rigobello e supervisão e orientação da professora Fernanda, que completa: “Esta conquista revela que docentes e alunos da EERP estão em consonância com as iniciativas globais da Organização Mundial da Saúde (OMS) para melhorar a segurança do paciente e a qualidade do cuidado por meio da formação de recursos humanos. Também estão em consonância com o Programa Nacional Segurança do Paciente do Ministério da Saúde que tem, dentre outros objetivos, incluir o tema no ensino, incrementar as pesquisas em segurança do paciente e disseminar o conhecimento para o público em geral”.

Mais informações: e-mail fregimenes@eerp.usp.br

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados