Instituto de Ciências Biomédicas da USP cria Comissão de Apoio à Comunidade

Grupo de perfil integrador desenvolve ações que zelam pelo bem-estar de alunos, docentes e funcionários do instituto

Por - Editorias: Comunidade USP
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Prédio do ICB, no campus Cidade Universitária, em São Paulo – Foto: Marcos Santos/USP Imagens

O Instituto de Ciências Biomédicas (ICB) da USP criou a Comissão de Apoio à Comunidade (CAC), grupo multidisciplinar que vai atuar em prol do bem-estar individual e coletivo do público interno do ICB. Criada em novembro pela diretoria do instituto, a comissão já realizou reuniões para diagnóstico e planejamento, com o envolvimento de especialistas e psicólogos voluntários.

Dentre as atribuições da comissão está a viabilização de auxílio psicológico a membros da comunidade do instituto que vierem a necessitar de atenção especial. “Estimular em todos da comunidade do ICB a empatia, a comunicação e a sensibilidade para ouvir os colegas é um dos objetivos centrais do grupo”, afirma o histologista e professor sênior do Instituto de Ciências Biomédicas, Paulo Alexandre Abrahamsohn.

O pesquisador divide a coordenação da comissão com a neurocientista e professora do ICB, Silvana Chiavegatto. O grupo tem perfil diverso e é formado por servidores técnicos e administrativos, alunos e pesquisadores do instituto, além de contar com o apoio e envolvimento de profissionais especializados em comportamento e saúde mental.

A CAC pode ser contatada por meio do endereço cac_icb@icb.usp.br. A portaria interna que estabelece a criação do grupo pode ser acessada aqui.

Da Assessoria de Comunicação do ICB

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados