Competição ibero-americana de matemática tem medalhistas da USP

Sete estudantes da Universidade foram premiados por resolverem desafios matemáticos; olimpíada reuniu mais de 100 estudantes das principais universidades da América do Sul e Central

Editorias: Universidade - URL Curta: jornal.usp.br/?p=369093
Foto: 123RF

.

Estudantes da USP se destacaram na 12ª Competição Ibero-Americana Interuniversitária de Matemática (CIIM), olimpíada anual destinada a alunos de graduação de universidades da América do Sul e Central que competem resolvendo problemas matemáticos que envolvem conceitos básicos da teoria dos números, geometria, análise combinatória, cálculo diferencial e integral e álgebra. Participaram dez alunos do Instituto de Matemática e Estatística (IME) e do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) e sete foram premiados com medalhas – uma de ouro, quatro de prata e duas de bronze. Neste ano, devido à pandemia, a competição ocorreu virtualmente entre os dias 20 e 26 de outubro.

Ricardo Felipe Rosada Canesin é estudante do terceiro ano do curso Bacharelado em Matemática no IME – Foto: Arquivo Pessoal

A olimpíada reuniu mais de 100 estudantes das principais universidades da região, como a Universidade de Buenos Aires, da Argentina, e a Universidade dos Andes, da Colômbia. Pelo Brasil, além da USP, também participaram a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), a Fundação Getulio Vargas do Rio de Janeiro (FGV-Rio), o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), o Instituto Militar de Engenharia (IME) e a  Pontifícia Universidade Católica do Rio (PUC-Rio).

Um dos participantes foi Ricardo Felipe Rosada Canesin, estudante do curso de Bacharelado em Matemática no IME, que recebeu a medalha de ouro e ficou entre os cinco melhores da competição. “Nunca me preparei muito para as olimpíadas de conhecimento, mas sempre fui dedicado aos meus estudos. O resultado na competição foi consequência direta disso e, para mim, essa medalha representa um reconhecimento desse esforço e que estou no caminho certo. É um incentivo para eu continuar me dedicando”, destaca o estudante.

Victor Hugo de Souza Daniel, do ICMC – Foto: Reprodução/ Linkedin

Outro medalhista, Victor Hugo de Souza Daniel, do ICMC em São Carlos, destaca a interação entre os grupos como algo que motivou e divertiu os participantes. “Por conta da pandemia, as provas foram realizadas on-line, pela plataforma Google Meet. E para não perder a interação que teríamos se ela fosse realizada presencialmente, nos separaram em grupos antes dos dias de provas, e tivemos de bolar um problema para desafiar outra equipe”, explica. “Foi a primeira vez em que participei da competição, e receber esse reconhecimento é bastante incentivador.”

Além de Ricardo e Victor, também foram premiados João Pedro Sedeu Godoi, Eduardo Ventilari Sodré, Lorenzo Andreaus, que conquistaram prata, e André Yuji Hisatsuga e Luan Arjuna Fraga Ramires que receberam a medalha de bronze.

Sobre a competição 

Lançada em 2009, a Competição Ibero-Americana Interuniversitária de Matemática busca incentivar o estudo da matemática e a excelência acadêmica na comunidade universitária ibero-americana, além de contribuir para o desenvolvimento social, cultural e econômico dos países participantes.

A competição é constituída de uma prova aplicada em dois dias consecutivos e, cada dia, os alunos devem resolver três problemas em um tempo de quatro horas e meia. Os temas do concurso devem abranger problemas originais de nível universitário nas áreas de Análise, Álgebra, Álgebra Linear, Probabilidade e Análise Combinatória, Teoria dos Números e Variáveis Complexas.  A correção das provas é feita pelos jurados do concurso, sendo cada questão pontuada por, pelo menos, três jurados.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.