Cartilhas orientam como prevenir coronavírus na população em situação de rua

Pesquisadores da USP em Ribeirão Preto indicam como profissionais e voluntários devem trabalhar com esse público, desde a abordagem até o encaminhamento de casos suspeitos de covid-19

Material orienta na abordagem de pessoas em situação de rua para prevenção do coronavírus – Foto: Carolina Valtuille/Flickr-CC

.
Para ajudar no combate ao coronavírus, pesquisadores da USP em Ribeirão Preto elaboraram materiais educativos para orientar equipes que trabalham com a população em situação de rua e agora precisam se preocupar em prevenir a propagação da covid-19. Os pesquisadores são do Laboratório de Ensino e Pesquisa em Psicopatologia, Drogas e Sociedade (Lepsis), da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP), que desenvolve atividades de pesquisa, ensino e extensão em saúde mental e drogas, além de treinamento de profissionais de saúde e da assistência social.

Um dos materiais, chamado “Abordagem da pessoa em situação de rua para prevenção da disseminação de covid-19“, orienta profissionais e voluntários sobre como fazer a abordagem da temática junto aos que frequentam ruas e abrigos. O objetivo é proteger tanto as equipes de atendimento quanto a população atendida, além de oferecer estratégias para o planejamento de ações.

A publicação divide as orientações em três partes. Primeiro, trata do conhecimento das pessoas sobre o vírus; segundo, fala de maneiras de prevenção; e, em terceiro, informa sobre serviços disponíveis para ajudar este público nesse período de isolamento, como abrigos e locais para alimentação.

Em outra cartilha, os pesquisadores do Lepsis adaptaram e traduziram o material produzido pelo Centers for Disease Control and Prevention, do Departamento de Saúde e dos Serviços Humanos dos Estados Unidos, sobre como organizar a rotina e o espaço da população de rua durante a epidemia de coronavírus. Entre várias recomendações e sugestões de estratégias, o material trata desde a comunicação com as secretarias de saúde; ideias sobre como reportar casos suspeitos de covid-19; até o auxílio na luta contra estigmas e discriminação dessas pessoas.

Confira abaixo as cartilhas elaboradas pelos pesquisadores da USP em Ribeirão Preto (clique nas imagens para ter acesso).

.

.
.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.