Placa de comemoração 100.000 inscritos do Youtube ao Canal da USP – Arte sobre foto de Cecília Bastos/USP Imagens

Com 110 mil inscritos, Canal USP oferece mais de 4 mil vídeos

Canal no YouTube disponibiliza reportagens, atividades culturais, podcasts, aulas e muito mais

11/07/2019

Texto: Aline Naoe
Arte: Beatriz Abdalla

Conteúdo diversificado e totalmente gratuito. O Canal USP possui mais de 4 mil vídeos para quem quer acompanhar a produção científica, acadêmica e cultural da melhor universidade do País. Toda semana há novidades: desde reportagens aulas e palestras com professores da USP até concertos das três orquestras mantidas pela instituição.

“Em um único endereço na web, o canal reúne conteúdo selecionado, produzido tanto por nós, da TV USP de São Paulo, como por inúmeras unidades da USP em todos os seus campi”, explica a jornalista Tabita Said.

Os acessos vem crescendo mês a mês: em 2017, eram 5 mil seguidores, hoje, mais de 110 mil inscritos. “Desde o começo do ano, ganhamos de 2 a 3 mil novos seguidores por mês”, comemora Kleison Alves de Paiva, responsável pela curadoria dos vídeos. Segundo o produtor, o crescimento também é visível nos comentários do público. “O engajamento é muito grande, mesmo em vídeos antigos”, diz.

Para acompanhar as novidades, basta seguir o canal oficial da Universidade no Youtube. Conheça as principais seções do Canal USP:

Placa de comemoração 100.000 inscritos do Youtube ao Canal da USP – Foto: Cecília Bastos/USP Imagens

Aulas USP

Há mais de 30 disciplinas de graduação e de pós-graduação em praticamente todas as áreas do conhecimento. São aulas gravadas, ou seja, as mesmas assistidas pelos universitários, assim, o público pode se informar mesmo não sendo estudante da USP. Cálculo, Matemática Financeira, Astronomia e História do Brasil são exemplos de disciplinas disponíveis.

Clique para acessar a playlist.

Professor Walter Neves – Foto: Reprodução/Canal USP/Youtube

Além destas aulas, o Canal USP também produziu dois cursos exclusivos. A Saga da Humanidade é apresentado pelo Walter Neves, maior especialista brasileiro em evolução humana. Ele é professor do Instituto de Biociências (IB) da USP e fala, em 12 aulas curtas, sobre o caminho trilhado pelo ancestral comum a nós e aos chimpanzés até o surgimento do Homo sapiens.

Clique aqui para acessar a playlist.

O outro curso é o Inteligência Artificial em saúde: o uso de machine learning em saúde, produzido pelo canal em parceria com a Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP. Quem apresenta é o professor Alexandre Chiavegatto, pesquisador na área de estatísticas de saúde e ciências de dados.

Clique para acessar a playlist.

Jornal da USP

Aqui você encontra reportagens sobre pesquisas científicas, curiosidades, projetos, programas da TV USP, além de materiais especiais, caso da série sobre os 85 anos da USP e sobre os livros exigidos no vestibular organizado pela Fuvest.

Como funciona o maior restaurante da USP?

Morte de jovens negros na periferia: armadilhas do poder

Comissão da Verdade da USP

Música na USP | Podcasts USP

Gosta de música? A USP tem três orquestras – Orquestra Sinfônica da USP (Osusp), USP-Filarmônica e Orquestra de Câmara (Ocam) – e no canal você pode conferir algumas apresentações, de música popular à clássica.

Orquestra Sinfônica e Coros da USP apresentam Bach, Mozart e Villa-Lobos

Nesta seção, os fãs de podcasts também podem ouvir os episódios do Ciência USP, do Jornal da USP+, além de outros podcasts e colunas produzidas pela equipe. São conteúdos em áudio sobre ciência, tecnologia, odontologia, medicina, além de assuntos atuais abordados por especialistas na Rádio USP. 

Jornal da USP+ | Profissão: Meteorologista – Conheça a carreira de quem fica de olho no céu

Manifestações abrem espaço para mudanças no cenário político [Poder e Contrapoder]

Aconteceu na USP

Diariamente, a Universidade organiza e sedia seminários, debates, mesas-redondas sobre os mais variados assuntos, reunindo os melhores especialistas do Brasil e do mundo. O Canal USP faz uma seleção dos principais eventos e coloca tudo à disposição do público.

USP Talks #27: Armas | Debate
Encontro dos ex-ministros de Estado do Meio Ambiente
A evolução do pensamento econômico e sua influência na teoria econômica moderna

Quem somos?

O Canal USP é ligado à Superintendência de Comunicação Social (SCS) da USP. São profissionais que criam conteúdos em vídeo, áudio, texto e imagens sobre os mais variados temas ligados à Universidade.

“Nossa equipe atua em múltiplas plataformas, buscando sempre estar atualizada em relação ao que há de melhor e mais moderno tanto do ponto de vista técnico como editorial”, afirma o superintendente de comunicação Luiz Roberto Serrano. Segundo o jornalista, o canal fala com a comunidade USP, mas também com as demais universidades brasileiras e com toda a sociedade. “É uma forma de prestar contas e mostrar ao público, de forma criativa e clara, o que a USP faz”.

A inovação em termos de estilo e conteúdo se deve muito à presença dos estudantes que integram a equipe. Os estagiários da área audiovisual atuam não apenas no aspecto técnico, mas têm oportunidade de sugerir ideias e criar. “Quando aproveitamos as ideias dos estagiários fazemos algo mais rico e conectado com a sociedade”, afirma o editor de vídeo da TV USP, Thales Silva.

Produções premiadas

A série de vídeos LGBTs no Regime Militar ganhou na categoria Melhor Interprograma na 13ª edição do Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro, em 2018. O responsável pela produção foi o estagiário Marcos Targino, do 5º ano do Curso Superior de Audiovisual da Escola de Comunicações e Artes (ECA) da USP.

“Descobri esse estudo no banco de teses da USP. Inicialmente, seria uma produção curta, mas, depois que entrevistamos o pesquisador, vimos que o material era muito bom e acabou se tornando uma série”, conta o estudante.

Além de Marcos, outros estagiários integram a equipe de audiovisual, atuando na captação e edição de imagens e sugerindo novos formatos e propostas. “Como órgão público de comunicação, não temos as amarras da mídia tradicional. É um espaço criativo, que permite a experimentação e o desenvolvimento de habilidades”, diz Thales.

Na mesma edição, o Fest Aruanda também premiou outro vídeo produzido pela TV USP. Escavações na Lapa do Santo, produzido pela jornalista Tabita Said ganhou menção honrosa na categoria Melhor Interprograma. São cinco vídeos que mostram o trabalho de arqueólogos da USP na caverna de Lagoa Santa, na região metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais.

O professor André Strauss, pesquisador do Laboratório de Arqueologia e Antropologia Ambiental e Evolutiva do Instituto de Biociências (IB) da USP, é um dos entrevistados. Ele também já apareceu na TV USP em outra reportagem, onde relata um estudo que analisou o genoma de habitantes antigos das Américas.

Segundo o arqueólogo, é importante que o público saiba o que está sendo produzido na Universidade. “Eu sempre fico curioso para ver qual aspecto do trabalho irão enfatizar, qual recorte vão escolher. Para mim, é um processo que ajuda na ‘emersão’ – esses grandes estudos, às vezes, envolvem anos de dedicação exclusiva e a gente acaba perdendo a perspectiva mais ampla”, comenta.

Clique aqui para acessar a playlist.

A ciência mais perto do público

Além das reportagens em vídeo sobre pesquisas em andamento na Universidade, a TV USP também tem produzido materiais explicando conceitos-chave na ciência e criou ainda uma série chamada Simplifica!.

O que é emaranhamento quântico?

Para poder falar de uma descoberta de pesquisadores da USP, o vídeo apresentou esse fenômeno da física quântica

Ciclo do carbono e energia limpa

Como o gás carbônico é gerado? O que ele tem a ver com as mudanças climáticas? O vídeo responde a estas perguntas de forma simples e clara

Novidades

O Canal USP ganhou recentemente uma nova área. Agora, quem acessa a página pode assistir o canal em streaming, ou seja, pode ver uma programação ao vivo, com produções selecionadas e sem anúncios.

Nos próximos meses, o canal também ganhará uma nova série: o Visite a USP. São vídeos curtos com informações para quem quer conhecer as dezenas de museus e centros culturais e científicos da Universidade em São Paulo e no interior.

Quer conversar com a equipe do Canal USP? Envie uma mensagem para tvusp@usp.br 

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.