Biblioteca Brasiliana abre inscrições para seu programa de residência

Edital oferece vagas para pesquisadores interessados em estudar seu acervo; prazo é até 30 de setembro

Editorias: Universidade - URL Curta: jornal.usp.br/?p=269100
Acervo reunido por Guita e José Mindlin, que nomeiam a biblioteca, é considerada a mais importante coleção do gênero formada por particulares – Foto: Francisco Emolo/Arquivo Jornal da USP

.
Pesquisadores podem se inscrever na 5ª edição do Programa de Residência em Pesquisa para desenvolvimento de projetos relacionados ao acervo e ao arquivo da Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin (BBM), órgão da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária (PRCEU) da USP. O prazo é até dia 30 de setembro.

A finalidade do programa é fomentar as ações de pesquisa centradas no acervo e no arquivo da BBM, o aprofundamento do conhecimento científico, a formação dos envolvidos e a transmissão do conhecimento gerado, no âmbito da cultura e da extensão universitária.

O público-alvo se resume a pesquisadores brasileiros e estrangeiros  nas categorias sênior, professor licenciado, professor/pesquisador independente ou em disponibilidade parcial para a pesquisa, assim como doutorandos que possuam financiamento próprio e pretendam permanecer de um a seis meses desenvolvendo projetos junto à biblioteca.

O edital oferece oito vagas, sendo três projetos voltados para a pesquisa do material constante no acervo da biblioteca e relacionado aos temas do projeto 3×22. Este projeto pretende promover o confronto de três 22’s: o da Independência, o da Semana de Arte Moderna e aquele que nossa geração vivenciará. Para isso, vale-se do rico material conservado pela BBM para encontrar nos documentos, nos livros e nos autores esquecidos e renegados pelas vertentes dominantes de nossa historiografia as evidências, as perspectivas e as interpretações que possam contribuir para a análise de nossa história.

Outros três projetos voltados para a pesquisa do material constante do acervo da biblioteca que abordem outros recortes temáticos também serão selecionados; bem como um projeto sobre conservação e restauro; e, por fim, um projeto dedicado à pesquisa do material existente no arquivo da biblioteca.

A Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin possui um dos mais ricos acervos de brasiliana no País, constituída por aproximadamente 60 mil volumes divididos em quatro principais vertentes temáticas: assuntos brasileiros, literatura em geral, livros de arte, e livros como objeto de arte. Como parte das quatro vertentes temáticas é possível encontrar obras de literatura, de história, relatos de viajantes, manuscritos históricos e literários, documentos, periódicos, mapas, livros científicos e didáticos, iconografia e livros de artistas.

O edital do programa com detalhes sobre a apresentação das propostas, prazos e demais informações está disponível neste link.

Da Comunicação BBM

 

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.