Alunos da USP fazem campanha para dar acesso digital a estudantes da rede pública

Iniciativa de empresa júnior da USP em Bauru em parceria com a Unesp pretende arrecadar dispositivos eletrônicos e pacotes de acesso à internet para alunos acompanharem aulas a distância

Campanha quer ajudar alunos que não possuem equipamentos e acesso às aulas on-line no período de pandemia – Foto: August de Richelieu/Pexels CC

.

Desde que teve início a pandemia de covid-19, os termos home-office e ensino a distância ou remoto passaram a fazer parte do cotidiano de muitas pessoas. Por trás deles, há dificuldades enfrentadas por quem não possui acesso à internet, como é o caso de 4,8 milhões de adolescentes e crianças brasileiras, segundo dados divulgados pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) em maio. Para minimizar os impactos dessa exclusão digital, a Fono Júnior, empresa júnior da Faculdade de Odontologia da USP em Bauru (FOB), realiza uma campanha em parceria com a Universidade Estadual Paulista (Unesp). 

Trata-se de uma junção de duas campanhas, a Adote um Estudante, promovida pela Fono Júnior, e a Ajude um Estudante, lançada pela Unesp, coordenada pela professora Vera Lúcia Messias Fialho Capellini. A primeira busca empresas e pessoas dispostas a prover internet. Já a segunda busca doações de dispositivos eletrônicos, como celulares, tablets e computadores. Juntas, as campanhas irão beneficiar estudantes da rede pública de Bauru.  

Giulia Ito, presidente da empresa júnior do curso de Fonoaudiologia – Foto: Reprodução / LinkedIn

“O número de alunos que poderemos ajudar depende dos dispositivos eletrônicos que a Unesp conseguir coletar, além do número de investidores externos que nos ajudarem com os planos de internet”, explicou Giulia Ito, presidente da Fono Júnior. As aulas que a equipe têm na Universidade incentivaram o projeto. “A gente estuda que os princípios da telessaúde envolvem uma infraestrutura mínima para que os serviços a distância aconteçam. Internet estável de banda larga e um dispositivo eletrônico são dois aspectos necessários. Quando levamos isso para a educação, vimos que apesar de os professores darem as aulas, os alunos não tinham essa estrutura básica.” 

Os estudantes, então, decidiram entrar em contato com as professoras Luciana Paula Maximino e Aline Roberta Aceituno da Costa, para coordenar a campanha pela USP. “Quando estávamos colocando o projeto no papel veio a notícia de que a Unesp lançou a campanha de arrecadar os dispositivos celulares e dispositivos eletrônicos. Então pensamos em complementar nossa campanha com a Unesp, nossa universidade irmã.” 

“A importância do projeto é conseguir trazer qualidade para o estudo desses jovens de Bauru, que realmente não possuem acesso, e a gente não pode negligenciar isso. Nós da Fono Júnior não podíamos ficar esperando. A gente acha que, apesar de ser uma forma pequena, é uma forma de contribuir com a educação”, ressaltou Giulia. 

Campanha da Fono Júnior nas redes sociais – Foto: Reprodução

.

Para contribuir com o projeto, é possível doar dispositivos eletrônicos ou contribuir com planos de internet. Os dispositivos estão sendo recolhidos em pontos de coletas localizados em unidades do Supermercado Confiança e na Portaria 1 do campus da Unesp em Bauru. É possível doar também em dinheiro pelo site Parceiro Unesp, para que os organizadores possam adquirir os aparelhos para os estudantes excluídos digitalmente.

Para prover planos de internet, entre em contato com a empresa júnior pelo e-mail fonojunior.usp@gmail.com. O objetivo é arrecadar planos de internet que durem até dezembro deste ano. Para mais informações acesse o edital do projeto

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.