Quer conhecer os cursos da USP? Agende uma visita ou explore as feiras de profissões

As visitas são monitoradas e ocorrem ao longo do ano; as feiras são 30 e 31 de maio, em Ribeirão Preto, e de 22 a 24 de agosto, em São Paulo

Visitas monitoradas e feira de profissões auxiliam vestibulandos a decidir qual curso de graduação escolher – Foto Marcos Santos/USP Imagens

.

Descobrir a profissão que deseja seguir não é tarefa fácil para a maioria dos jovens. Desde cedo é necessário escolher um curso e se preparar para os exames de seleção das universidades. Para facilitar e orientar a escolha dos vestibulandos, a USP realiza visitas monitoradas a seus campi, distribuídos por oito cidades do Estado de São Paulo, e promove duas feiras de profissões.

A proposta do Programa USP e as Profissões é apresentar a Universidade pública, seus processos de ingresso – vestibular organizado pela Fuvest e Enem, reservas de vagas e programas de permanência estudantil. Além disso, os alunos de escolas públicas e privadas, do ensino fundamental, médio e pré-vestibulandos podem ter contato com a dinâmica dos cursos de graduação, conversar com universitários e professores, conhecer a estrutura da USP e presenciar o cotidiano de aprendizagem.

“Este ano, estamos prevendo 20 mil estudantes participando da feira do interior, em Ribeirão Preto, e 80 mil para a da capital. Os alunos vêm com muitas expectativas e, pelo que escutamos, elas são, muitas vezes, superadas.”, conta a pró-reitora de Cultura e Extensão da USP, a professora Maria Aparecida de Andrade Moreira Machado.

A Feira USP e as Profissões está na sua 17ª edição e apresenta os 183 cursos oferecidas pela USP nos campi de São Paulo, Ribeirão Preto, São Carlos, Piracicaba, Pirassununga, Bauru, Lorena e Santos. O evento conta com duas edições, uma na capital e outra no interior. Ribeirão Preto é o local escolhido para sediar a feira do interior, que será nos dias 30 e 31 de maio. Em São Paulo, o evento tem data marcada de 22 a 24 de agosto.

.

Estudantes conhecem diferentes cursos e experiências são contadas por graduandos, pós-graduandos e professores da USP – Foto: Marcos Santos/USP Imagens

 

Conhecendo a USP

Enquanto a feira oferece, em um único local, estandes de apresentação com docentes, graduandos e pós-graduandos, as visitas levam os estudantes para dentro da Universidade. Os interessados podem escolher cursos de seu interesse, fazer a inscrição e visitar as unidades, tendo contato com alunos, professores e funcionários, além de conhecer a infraestrutura das salas de aula, laboratórios, auditórios e biblioteca.

As visitas são organizadas pela Comissão de Cultura e Extensão de cada uma das unidades de ensino que a USP possui, ou seja, a escola, faculdade e instituto onde são oferecidos os cursos. Os pré-vestibulandos podem conhecer as atividades de iniciação científica, pesquisas realizadas por cientistas, prestação de serviços à comunidade, eventos culturais, científicos, tecnológicos e esportivos, enfim, tudo que a Universidade faz e organiza. Normalmente, as visitas monitoradas duram de duas a quatro horas e podem ser agendadas ao longo do ano.

Os estudantes podem se inscrever individualmente ou em grupos de até 40 pessoas. Todos os campi da USP realizam as visitas. Saiba como agendá-las neste link.

Valor social

Segundo a professora Maria Aparecida, o Programa  USP e as Profissões deseja trazer os alunos do ensino fundamental e médio e pré-vestibulandos para a Universidade. Em 2018, foram oferecidas 80 visitas com a participação de mais de 14 mil estudantes da rede pública e privada. “As visitas e a feira são ações que se complementam. Queremos abrir os portões e levar esse olhar da Universidade para a comunidade”, relata.

Durante a feira, há uma troca de experiências, em que os estudantes da USP se tornam referência e mostram o orgulho de fazer parte da Universidade. Para muitos visitantes, é o ponto de virada e certeza da escolha do curso. Segundo Maria Aparecida, as iniciativas permitem que os alunos escolham a carreira e realmente desejem estudar na USP.

“Trata-se de um olhar para a sociedade, um compromisso que a USP assume de divulgar o que ela tem de melhor. Queremos estimular que os estudantes almejem estar do lado de cá”, explica a pró-reitora.

 

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •