Em Ribeirão Preto, projeto quer despertar o interesse de meninas pelas ciências

Iniciativa é voltada a estudantes do ensino fundamental; inscrições vão até 7 de fevereiro

Você sabia que o primeiro algoritmo de programação foi inventado por uma mulher? E que é graças a uma atriz de Hollywood que hoje podemos usufruir de tecnologias como bluetooth, celulares e  wi-fi?  

Mulheres cientistas se destacaram ao longo de toda a história, porém, mesmo com invenções e descobertas que revolucionaram a maneira como vemos o mundo, elas compõem apenas 28% do cenário mundial da ciência, segundo dados da Unesco de 2018.

Foi pensando nisso que pesquisadoras do Departamento de Biologia da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP) da USP criaram o Pronta pra ser Cientista, uma iniciativa voltada para meninas do nível fundamental de escolas públicas e privadas de Ribeirão Preto para debater o papel de mulheres na ciência. 

A professora Annie Schmaltz Hsiou, coordenadora do projeto, conta que as chances de mulheres ingressarem na carreira científica são minadas desde a infância. Afirma que as meninas não são impulsionadas ao contato com as ciências. “Há um entendimento no senso comum de que as mulheres não têm talento nato para seguir essas áreas”, afirma. E o objetivo do projeto é justamente mostrar para essas meninas que a ciência brasileira também é feita por mulheres. “No Pronta pra ser Cientista queremos quebrar estereótipos e papéis de gênero e demonstrar que as meninas podem fazer o que elas quiserem”. 

Inscrições até 7 de fevereiro

Uma equipe de 27 mulheres – pesquisadoras, professoras, pós-graduandas, graduandas e biólogas – já está pronta para as atividades. Elas ministrarão aulas e apresentarão seus trabalhos de pesquisa. Integrante do grupo, a professora da FFCLRP Tiana Kohlsdorf informa que o projeto terá quatro encontros, sempre aos sábados, durante o mês de março. Segundo ela, a programação apresenta quatro grandes áreas da Biologia: botânica, genética e embriologia, paleontologia e entomologia e zoologia. 

O projeto oferece 25 vagas para meninas de 11 a 14 anos de escolas públicas e privadas de Ribeirão Preto. As inscrições são on-line e vão até sexta-feira, 7 de fevereiro, e devem ser feitas pelos pais ou responsáveis. As candidatas serão selecionadas em um sorteio transmitido ao vivo no sábado, dia 8, pela página Pronta pra ser Cientista no Facebook.

Mais informações: site https://sites.usp.br/prontacientista/home/

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.