Espaço destinado aos novos mestres e doutores da USP para falar sobre suas pesquisas e inovações, num bate-papo informal e descontraído.

Apresentação: Roxane Ré e Antonio Carlos Quinto
Produção: Roxane Ré e Antonio Carlos Quinto
E-mail: ouvinte@usp.br
Horário: quintas, às 8h

Compartilhar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Subprodutos da agroindústria podem ser reaproveitados na alimentação de ruminantes

Bagaço e palhada de cana-de-açucar, bagaço de laranja, bagaço de mandioca, casca de amendoim e casca de soja, entre outros resíduos, podem ser usados na alimentação de ruminantes. Na entrevista desta quinta-feira (2), a engenheira agrônoma Beatriz Elisa Bizzuti descreveu como foram os testes realizados em laboratório e com ovinos

Biomaterial obtido de casulo do bicho-da-seda ajuda a fortalecer enxertos ósseos

Material já vem sendo testado em ratos com sucesso. Segundo a engenheira de materiais Daniela Viera, o novo produto também poderá ser aproveitado em outras aplicações médicas, como em reparos de cartilagens e pele, desde que sejam realizadas alterações em sua parte física, buscando viscosidade e formato adequados

Biossensor poderá facilitar o diagnóstico de Alzheimer

Desenvolvido no Instituto de Física de São Carlos (IFSC) da USP, o sistema vai permitir a detecção da doença a partir de duas proteínas (Fetuína-B e Clusterina) que, quando alteradas em suas concentrações, poderão indicar o diagnóstico. Laís Canniatti Brazaca realizou seus estudos no IFSC e na Universidade da Califórnia (EUA)

Coreanos colaboram com seu legado étnico para o turismo do Bom Retiro

Localizado próximo à região da Estação da Luz, em São Paulo, o bairro do Bom Retiro é bastante conhecido por ser um pólo de compras de roupas, tecidos e acessórios. Em pesquisa de mestrado desenvolvida na Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH) da USP, a pesquisadora Eanne Leite Palacio Leite analisou como a comunidade coreana se adaptou e tem colaborado para o turismo do bairro

Protocolo de higienização das mãos em hospitais é tema de pesquisa na FEA

O administrador Éder de Carvalho Januário foi o entrevistado desta quinta-feira (30) em “Os Novos Cientistas”, onde falou de seu estudo de doutorado realizado na Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA) da USP. Na sua pesquisa, ele analisou a implantação do protocolo de higienização das mãos em três hospitais de Minas Gerais

Cientistas desenvolvem hambúrguer mais sadio com cogumelo em sua composição

A pesquisadora Iliani Patinho foi a entrevistada na edição desta quinta-feira (9) de “Os Novos Cientistas”, onde falou de sua pesquisa de mestrado desenvolvida na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) da USP, em Piracicaba. Ela desenvolveu um hambúrguer mais saudável com o acréscimo de cogumelo da espécie “Agaricus bisporus”

Levedura da Antártida melhora produção de enzima usada no tratamento da leucemia

Em pesquisa realizada na Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF) da USP, a pesquisadora Rominne Karla Barros avaliou o potencial de leveduras provenientes da Península Antártica na produção da enzima L-asparaginase, usada na indústria de alimentos e na área médica, em tratamentos de alguns tipos de leucemia do sistema linfático

Técnica em 3D resulta na confecção de placas oclusivas mais precisas

Placas oclusivas são aquelas usadas contra o bruxismo, doença que se caracteriza por provocar o ranger ou apertar dos dentes durante o sono. Em pesquisa desenvolvida na Faculdade de Odontologia (FO) da USP, a dentista Mayra Torres Vasques conseguiu produzir placas em cerca de 5 horas, usando tecnologia 3D e softwares específicos

Humor reforçou políticas de branqueamento nos anos 1920 no Rio de Janeiro

Em entrevista aos “Novos Cientistas” desta quinta-feira (28), a historiadora Maria Margarete dos Santos Benedicto falou sobre sua pesquisa de doutorado defendida na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da USP. O estudo tem como objetivo contribuir para o melhor entendimento das relações entre o humor e o racismo

Biossensor informa níveis de álcool e glicose pela análise da lágrima

A aluna de doutorado do Instituto de Física de São Carlos (IFSC) da USP Laís Canniatti Brazaca participou do desenvolvimento de um protótipo de óculos que captam a lágrima do paciente e informam, por meio de um biossensor, os níveis de álcool, glicose e vitaminas no sangue. A inovação é fruto do trabalho conjunto do IFSC e da Universidade da Califórnia, nos EUA, onde o projeto foi desenvolvido

Combinação de amido e gás ozônio resulta em plásticos mais resistentes

Um estudo de pós-doutorado que vem sendo desenvolvido na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) da USP, em Piracicaba, e na Escola Politécnica (Poli), resultou num plástico ambientalmente correto, mais transparente e mais resistente. Para chegar a esse produto, que já está em processo de patente, os pesquisadores desenvolveram uma técnica que usa amido de mandioca e gás ozônio