Rússia é banida por “doping” dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020

O país está impedido de participar de competições esportivas por quatro anos

Nesta edição o professor Paulo Roberto Santiago fala sobre os casos de doping na Rússia e seu banimento dos Jogos Olímpicos de Tóquio em 2020. Segundo o professor, a Rússia tem uma longa história com uso de substâncias proibidas, para aumentar o desempenho de atletas, desde a antiga União Soviética.  

Recentemente, o Comitê Olímpico divulgou o banimento da Rússia dos próximos Jogos Olímpicos, que serão no Japão. Fato frustrante para os amantes de esporte, segundo o professor,  já que aquele país é uma grande potência esportiva. Santiago conta também que é bastante recorrente mudanças nas regras da Agência Mundial Antidoping (Wada), porém, recentemente, aconteceram mudanças significativas. Punições por uso de maconha e cocaína, por exemplo, eram de cerca de quatro anos e, atualmente, não passam de três meses. 

Ouça no link acima a íntegra da coluna Ciência e Esporte.


Ciência e Esporte
A coluna Ciência e Esporte, com o professor Paulo Santiago, vai ao ar toda sexta-feira às 10h00, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.