A matemática a serviço do meio ambiente

O Ambiente É o Meio desta semana entrevista o professor Francisco Louzada sobre a união da matemática e da estatística com o meio ambiente

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Clique aqui para fazer o download 

O programa Ambiente É o Meio desta semana entrevistou o professor Francisco Louzada Neto do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC), Campus da USP em São Carlos.

No programa, o professor fala sobre o projeto criado através do Centro de Ciências de Matemática e Estatística Aplicada a Indústrias (CeMAI) de um sistema de gestão de resíduos sólidos para a Cooperativa Socioambiental Reenvolta de São Carlos.

Ele conta que o trabalho multidisciplinar foi desenvolvido inicialmente por uma percepção teórica e transitou para a prática. Dessa forma, oferece soluções para a comunidade, indústria e setor governamental.

Os cooperados apresentaram problemas na gestão e no gerenciamento dos resíduos sólidos, por isso foi criado o Sistema de Gestão de Gerenciamento Sólidos. “É simples, de fácil acesso para ser usado no gerenciamento em uma determinada comunidade”, afirma. O professor ainda revela que o maior problema é a conscientização para a problemática que envolve o descarte de resíduos sólidos.

A ferramenta exige conexão com a internet, armazena e coleta dados na nuvem, realiza a análise estatística e gera relatórios dinâmicos em tempo real. Por exemplo, a cada despejo de resíduos o funcionário ou usuário registra a data, quantidade, tipo e destino; assim ele recebe tabelas e gráficos de fácil entendimento, que também vão auxiliar no gerenciamento.

Por: Giovanna Grepi

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados