Para especialista, emoções interferem diretamente nas doenças

Neste episódio do programa “É Bom Saber”, médico fala sobre como tratar problemas emocionais

Muitas pessoas não acreditam, não aceitam ou até mesmo não pararam para pensar que as doenças e as emoções podem de alguma forma estar ligadas. Algumas pesquisas mostram que a mudança dos padrões emocionais pode agravar ou abolir determinada doença. Uma vez identificado um determinado problema emocional, qual o caminho seguir? Um psicólogo ou um psiquiatra?

Quem explica é Ricardo Amaral, médico do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas e do Departamento de Psiquiatria da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

Ouça a entrevista:

Produção e apresentação: Cido Tavares

Mais informações: cidotavares@usp.br

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •