“Manhã com Bach” apresenta obra de Bach para alaúde

Programa exibe também prelúdios e fugas de “O Teclado Bem Temperado” e uma cantata

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

O programa Manhã com Bach apresentou quatro obras do compositor alemão Johann Sebastian Bach (1685-1750), na edição que foi ao ar nos dias 25 e 26 de novembro de 2017 pela Rádio USP (93,7 MHz). Elas são: o Prelúdio e Fuga Número 23 em Si Maior (BWV 892), do livro 2 de O Teclado Bem Temperado, Prelúdio e Fuga Número 24 em Si Menor (BWV 893), também do livro 2 de O Teclado Bem Temperado, a Suíte para Alaúde em Mi Menor (BWV 996) e a cantata Gott fähret auf mit Jauchzen (BWV 43).

Ouça nos links acima a íntegra do programa.

Conclusão da audição de O Teclado Bem Temperado

Nessa edição de Manhã com Bach, foi concluída a audição de todos os 48 pares de prelúdios e fugas publicados nos dois volumes de Das Wohltemperierte Klavier, O Teclado Bem Temperado, de Bach, que foram apresentados ao longo de vários programas.

Cada um dos dois volumes de O Teclado Bem Temperado contém 24 pares de prelúdios e fugas, começando pela tonalidade mais grave, dó maior, e terminando na mais alta, si menor. O primeiro volume foi composto em 1722, na corte de Köthen, e o segundo volume apareceu 22 anos depois, em 1744, em Leipzig.

No programa, utiliza-se sempre a tradução O Teclado Bem Temperado – e não O Cravo Bem Temperado, como é mais comum se referir à obra de Bach Das wohltemperierte Klavier. É que Klavier, no tempo de Bach, significa qualquer instrumento de teclado, como o órgão e o clavicórdio, e não apenas o cravo.

No programa, as duas peças foram executadas pelo cravista e regente holandês Gustav Leonhardt.

Alaúde

Bach compôs três suítes para alaúde, um instrumento de cordas tipicamente medieval e barroco, de origem árabe.

Uma delas é a Suíte para Alaúde em Mi Menor (BWV 996), datada de 1708 e composta de seis movimentos: um prelúdio e mais cinco danças instrumentais barrocas (allemande, courante, sarabande, bourrée e giga). Ela foi apresentada em Manhã com Bach na interpretação do sueco Göran Söllscher.

Ascensão de Cristo

Já a cantata Gott fähret auf mit Jauchzen, Deus parte com júbilo (BWV 43), foi apresentada pela primeira vez em 30 de maio de 1726, em Leipzig, durante a Festa da Ascensão de Cristo, que celebra a subida de Cristo aos céus, após sua morte e ressurreição. Daí o caráter festivo da cantata, principalmente no primeiro movimento.

No programa, essa cantata foi ouvida na interpretação do Collegium Vocale, de Gent, na Bélgica, sob a regência do seu fundador, o belga Philippe Herreweghe.

Manhã com Bach vai ao ar sempre aos sábados, às 9 horas, com reapresentação no domingo, também às 9 horas, inclusive via internet, pela Rádio USP (93,7 MHz).

 

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados