O indie rock é reflexo das novas gerações do gênero

Como subgênero, o indie rock apresenta sonoridade muito ampla, funcionando mais como a representação do rock produzido a partir dos anos 80

Nesta edição do programa História do Rock, o professor Mario De Vivo continua a série sobre o indie rock e desta vez traz uma lista de bandas para exemplificar o que é o subgênero e demonstrar sua vasta sonoridade. 

O professor inicia o programa com a música The Boy With The Thorn in His Side, da banda britânica The Smiths, seguida pela canção de 1995 The Bends, da banda Radiohead. 

Para De Vivo, o indie rock não existe como uma sonoridade específica e sim como um estilo musical reivindicado por gerações mais novas, com o rock produzido a partir dos anos 80. Porém, para o professor é possível perceber que o indie rock exclui alguns estilos como o heavy metal, hard rock e rock progressivo. 

O professor traz ainda para o programa as músicas All The Way To Reno (You’re Gonna Be a Star) Da banda R.E.M, Us, da cantora Regina Spektor, Golden Dream, de Snail Mail, e encerra o programa com a música Selfless, do novo álbum da banda The Strokes, The New Abnormal, lançado em abril de 2020.

Ouça no player acima a íntegra do programa História do Rock.

 

Os ouvintes podem enviar sugestões e comentários para o e-mail: rocknausp@usp.br.

 

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.