Pesquisas dos vencedores do Nobel são exemplos inspiradores

Nobel é justo reconhecimento a um pesquisador teórico de 89 anos e a dois persistentes estudiosos observacionais com trabalhos sobre os buracos negros

Por

O anúncio dos ganhadores do Prêmio Nobel, ocasião em que atenções do mundo inteiro se voltaram para reconhecer avanços importantes do conhecimento “que beneficiem a humanidade”, é o tema da coluna do físico Paulo Nussenzveig. “O Prêmio Nobel de Física foi conferido a três cientistas por desvendarem alguns dos segredos de objetos fascinantes, que ainda desafiam nossa compreensão, os buracos negros”, aponta.

“Metade do prêmio será concedida ao britânico Roger Penrose, ‘por descobrir que a formação de buracos negros é uma predição robusta da teoria da relatividade geral’, e a outra metade ao alemão Reinhard Genzel e à norte-americana Andrea Ghez, ‘por descobrirem um objeto compacto supermassivo no centro da nossa galáxia’”, afirma o físico. “Gostei do comitê ter reconhecido este ano contribuições teóricas e experimentais (ou observacionais) complementares.”

“Achei a premiação inspiradora sob vários aspectos. O reconhecimento de um pesquisador teórico muito influente, aos 89 anos, é muito justo”, destaca Nussenzveig. “A outra metade do prêmio ser destinada à observação de um buraco negro no centro da nossa galáxia também valoriza o trabalho paciente, determinado e cuidadoso, de longo prazo, dos tenazes pesquisadores observacionais.”

Ouça mais clicando no player acima.


Ciência e Cientistas
A coluna Ciência e Cientistas, com o professor Paulo Nussenzveig, vai ao ar quinzenalmente toda quarta-feira às 10h50, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.