O impacto das mídias digitais na arquitetura

O livro “Habitar Híbrido”, de Guto Requena, discute como as novas tecnologias ativam os nossos sentidos

Ouvir Imagens fecha 2019 com uma boa nova que vai ajudar o ouvinte/leitor da Rádio USP e do Jornal da USP a entender o impacto da tecnologia na sociedade e na concepção de lar. A colunista Giselle Beiguelman anuncia o lançamento do livro Habitar Híbrido, do arquiteto e designer Guto Requena, pela Editora Senac (clique e ouça o player acima na Rádio USP, 93,7 MHz).

“Esta publicação é o resultado do mestrado defendido no Instituto de Arquitetura e Urbanismo (IAU) da USP, em São Carlos”, explica. “Com orientação do professor Marcelo Tramontano, a pesquisa de Guto Requena supre uma lacuna significativa na bibliografia brasileira sobre o impacto das mídias digitais e das redes nas cidades, no mobiliário urbano e na expansão da arquitetura pelas camadas informacionais que cada vez mais impactam a nossa experiência do espaço e dos lugares. No livro, essa discussão é central.”

O autor, segundo a professora, destaca como as tecnologias favorecem a redescoberta dos sentidos como o tato e a oralidade, atrofiados pela cultura impressa. “Nesse sentido, ao discutir as transformações da arquitetura pelas potências da cultura digital, o pesquisador aponta também para um processo, irreversível, de repensar o corpo no espaço e que demanda uma profunda reorganização do ensino e das políticas públicas.”


Ouvir Imagens 
A coluna Ouvir Imagens, com a professora Gisele Beiguelman, vai ao ar toda segunda-feira às 8h00, na Rádio  USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e  TV USP.

.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.