Mesmo com ataques à democracia, apoio a Trump continua alto nos EUA

André Singer comenta que a eleição presidencial norte-americana coloca em jogo o respeito às instituições democráticas

 05/11/2020 - Publicado há 1 ano

Ainda sem resultado definido, as eleições presidenciais dos Estados Unidos demonstram alta polarização política dos eleitores do país, indo contra as previsões eleitorais que antecipavam vitória folgada do democrata Joe Biden. Para Singer, é “algo a se registrar” o alto número de votos no republicano Donald Trump, mesmo com suas “posições pouco presidenciais” e condução “muito ruim” do combate à covid-19 enquanto presidente dos EUA, provocando grande número de mortes.

Singer também destaca os ataques de Trump à democracia, com estímulos a grupos armados que decidiram se manifestar contra o isolamento social da pandemia do coronavírus e com seu pronunciamento atual que defende a paralisação da contagem de votos das eleições, alegando fraude, ainda que sem comprovação legal. O colunista pontua que “o processo eleitoral norte-americano ocorre sob uma tensão democrática inédita no país e no mundo”. 

Saiba mais ouvindo a coluna Poder e Contrapoder na íntegra.


Poder e Contrapoder
A coluna Poder e Contrapoder, com o professor André Singer, vai ao ar toda quinta-feira às 9h, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.