Marisa Midori aborda os 60 anos da Editora da Universidade de Brasília

A professora dá continuidade ao programa sobre a efeméride e fala sobre a filosofia da Editora da UNB e suas principais publicações

 23/07/2021 - Publicado há 2 meses

“Como eu havia contado na última coluna, a Editora da Universidade de Brasília foi concebida no ato de fundação da nova universidade. Seu espaço constava no croqui da instituição; a dotação orçamentária, vale dizer, bem generosa, também constou no documento oficial de inauguração da universidade”, afirma a professora Marisa Midori na sua coluna Bibliomania desta semana, retomando o assunto. E completa, informando que a Editora da UnB nasceu com uma filosofia bem definida: traduzir obras essenciais para o conhecimento acadêmico; elaborar e editar textos básicos para o ensino em nível superior, além de editar a produção científica e literária da própria universidade.

Segundo a professora, “para a realização de um projeto tão importante quanto inovador, à época – estamos tratando da primeira editora universitária brasileira – foi contratado Arthur Neves, um editor conhecido, muito experiente no seu ofício”. A professora conta que o primeiro projeto editorial de fôlego da UnB foi a Biblioteca Básica Brasileira. “Essa coleção, que no futuro deverá enfeixar cem obras de autores nacionais, selecionadas através de amplo inquérito, constitui […] um conjunto de livros indispensáveis para o conhecimento do nosso país e do homem brasileiro.”

Marisa revela que apenas um volume não foi publicado: a reedição de O Que se Deve Ler Para Conhecer o Brasil, de Nelson Werneck Sodré. E explica o motivo através de uma citação do autor: “Sobreveio o golpe de abril de 1964, a que se seguiu a implantação da ditadura […] Fui informado de que [meus] originais haviam sido destruídos e que este livro fora, pelos novos dirigentes da Universidade de Brasília, convenientemente expurgado da biblioteca básica a ser lançada, substituído por outro título, de natureza diversa”.


Bibliomania
A coluna Bibliomania, com a professora Marisa Midori, vai ao ar toda sexta-feira às 9h00, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.