Liminar do STF dá prosseguimento às acusações de Moro

Singer analisa esses desdobramentos da decisão do STF de suspender nomeação de amigo da família Bolsonaro

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes, na quarta-feira (29) suspendeu a nomeação de Alexandre Ramagem — amigo próximo da família Bolsonaro — à diretoria-geral da Polícia Federal. “A liminar dá prosseguimento às acusações de Sergio Moro de que o presidente estaria tentando interferir na PF. Precisamos observar quais serão os próximos passos; é uma conjuntura política terrível”, aponta Singer, que comenta os acontecimentos recentes na coluna de hoje (30).

Na sexta feira (24), Bolsonaro arriscou: demitiu Sérgio Moro; decidiu se desvincular do maior arauto da luta contra a corrupção no País (pelo menos no imaginário de seu eleitorado) e peça importante do movimento que o levou à chefia de Estado. “É uma estratégia de radicalização que o presidente utiliza, a exemplo da demissão do ministro da Saúde [Luiz Henrique Mandetta] em meio a uma pandemia, o que é de uma audácia incrível”, pontua Singer.

O professor da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) ainda aponta que devemos nos atentar para dois aspectos desse episódio: as acusações de Moro sobre a tentativa de Bolsonaro de interferir na Polícia Federal (PF) — que tem autonomia desde a promulgação da Constituição de 1988 — e o fato de o ministro demitido deixar aberta a possibilidade de se candidatar à Presidência em 2020.

Acompanhe, pelo link acima, a íntegra da coluna Poder e Contrapoder.


Poder e Contrapoder
AA coluna Poder e Contrapoder, com o professor André Singer, vai ao ar toda quinta-feira às 9h, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.