Joe Biden deve corrigir rota da política externa norte-americana

Segundo Alberto do Amaral, o presidente eleito deverá adotar uma política reversa à de Trump, o que representa o retorno dos EUA ao Acordo de Paris e à OMS, além do papel preponderante a ser assumido no combate ao coronavírus

 17/11/2020 - Publicado há 1 ano
Por

A atual política adotada pelo presidente Donald Trump deve passar por grandes mudanças a partir do próximo governo do presidente eleito Joe Biden. A regra adotada por Trump, America First, fez com que o país fosse hostil com as organizações multilaterais. Biden será o reverso de Trump, fazendo com que os Estados Unidos voltem à OMS (Organização Mundial da Saúde), ao Acordo de Paris, à liderança no combate à pandemia de coronavírus, além da primazia no setor tecnológico junto à China.

Para o colunista, o Brasil não é prioridade no governo Biden, como também não foi durante a administração de Donald Trump.


Um Olhar sobre o Mundo
A coluna Um Olhar sobre o Mundo, com o professor Alberto Amaral, vai ao ar toda terça-feira às 10h00, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção  do Jornal da USP e TV USP.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.