Gestantes fumantes contam com centro de orientação no Hospital Universitário

Segundo o colunista, muitas mães usuárias param o consumo, no entanto, após a alta médica, voltam a usar drogas e álcool, colocando em risco a vida e a saúde de seus bebês

O Centro de Orientação e Dissuasão do Uso de Álcool e Drogas abriu mais uma frente de trabalho no Hospital Universitário da Universidade de São Paulo (HU/USP), agora com as gestantes. A meta é atender mulheres grávidas fumantes e usuárias de qualquer tipo de drogas já na entrada pela enfermaria.

Elas são orientadas a parar o consumo uma vez que tudo o que é ingerido passa pelo leite materno e com isso os bebês ficam com baixo peso, têm seus neurônios afetados, isso sem falar de doenças como asma, bronquite e até a morte súbita. O aconselhamento será via teleconsulta para que a meta seja mantida após o nascimento do bebê.

Ouça a íntegra da coluna Dr. Bartô e os Doutores da Saúde no link acima.


Dr. Bartô e os Doutores da Saúde
A coluna Dr. Bartô e os Doutores da Saúde, com o médico assistente do Hospital Universitário da USP João Paulo Lotufo, vai ao ar toda terça-feira às 09h30, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.