Estratégia de redução do tracoma mostra relação entre meio ambiente e saúde

Entre as medidas está a disponibilidade de água limpa para higiene pessoal diária de toda a população

 15/09/2021 - Publicado há 1 mês

Nesta edição da coluna Fique de Olho, o professor Eduardo Rocha fala sobre o tracoma, doença bacteriana que afeta principalmente crianças e jovens e já foi considerada “uma das mais importantes causas de cegueira no mundo”. 

Segundo o professor, a infecção ainda causa problemas em alguns lugares, sobretudo onde há menor acesso à saúde. Entretanto, lembra o avanço no diagnóstico do tracoma “por volta dos anos 80”, que melhorou o tratamento e levou à redução “baseada na prevenção” do problema.

Estratégia adotada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) para combate da doença, conta Rocha, foi a Safe (S – cirurgia, A – antibiótico, F – limpeza facial, E – ambiente). Redução de aglomerações em ambientes com pessoas infectadas e água limpa para higiene pessoal diária da população foram medidas da Safe. Assim, o professor explica ao ouvinte a relação entre o tracoma ocular e o meio ambiente saudável.


Fique de Olho
A coluna Fique de Olho, com o professor Eduardo Rocha, vai ao ar toda quarta-feira às 10h00, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.