Edgar Morin chega aos 100 anos com muita lucidez

José Eli da Veiga destaca o centenário de um dos mais importantes pensadores contemporâneos

Por

O sociólogo francês Edgar Morin completará, no próximo dia 8 de julho, 100 anos. Ele possui uma obra que soma 70 livros, mas a principal, de acordo com o professor José Eli da Veiga, é O Método. “São seis tomos que compõem um total de 2.500 páginas, publicados entre 1977 e 2004”, destaca o colunista. E o que ainda causa estranheza a Eli da Veiga é o fato de que não existam no Brasil teses e dissertações sobre a obra de Morin. “Aqui no Brasil, os livros em que ele trata da educação fizeram grande sucesso, e o que contribuiu para isso foi o fato de o Sesc-São Paulo sempre ter dado importância à divulgação do pensamento de Morin”, lembra o colunista.

Por conta disso, a partir de segunda-feira, o Sesc-São Paulo promoverá duas jornadas on-line, dias 28 e 29 de junho, sobre o sociólogo francês. Morin estará na abertura, junto com Danilo Santos de Miranda, diretor do Sesc-São Paulo. Posteriormente, muitos que estudaram sua obra também irão participar. “Haverá ainda o lançamento de duas coletâneas para comemorar este centenário”, antecipa Eli da Veiga. O colunista destaca a entrevista concedida por Morin, no último dia 9 de junho, ao programa da TV francesa chamado La Grande Librairie. “É muito raro vermos alguém chegar aos 100 anos tão lúcido”, elogia o professor, lembrando que, em sua coluna de amanhã, no jornal Valor Econômico, trará detalhes sobre o centenário de Morin.


Sustentáculos
A coluna Sustentáculos, com o professor José Eli da Veiga, vai ao ar toda quinta-feira às 8h00, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.