Crise do jornalismo não é reconhecida mundialmente

Para recuperar a confiança dos cidadãos, jornalismo deve falar de problemas concretos e assim convencê-los da importância da profissão

Na coluna Horizontes do Jornalismo de hoje, o professor Carlos Eduardo Lins da Silva comenta sobre a percepção de que o jornalismo enfrenta uma crise mundial. Para ele, é surpreendente que a maioria das pessoas, inclusive do meio jornalístico, não saiba que os veículos de informação estão em péssima situação financeira.

É importante que o jornalismo se mantenha e que suas dificuldades sejam reconhecidas, pois “os veículos independentes são os que garantem as informações livres do viés de governantes ou grandes empresas, oferecendo espaço para diferentes pontos de vista que permitam que o cidadão chegue às suas próprias conclusões”, segundo o professor. Ele também ressalta que o jornalista deve parar de escrever para si mesmo e “falar de problemas concretos das pessoas e convencê-las da importância da profissão, como ocorreu no início da pandemia”.

Saiba mais ouvindo a coluna na íntegra.


Horizontes do Jornalismo
A coluna Horizontes do Jornalismo, com o professor Carlos Eduardo Lins da Silva, vai ao ar toda segunda-feira às 9h00, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção  do Jornal da USP e TV USP.

.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.