Teste rápido e mais barato da covid-19 é desenvolvido pela USP

O teste, chamado de RT-Lamp, em fase de validação, já se mostrou eficiente na identificação de dengue e zika

Cientistas do Centro de Estudos sobre o Genoma Humano e Células-Tronco (CEGH-CEL) da USP estão desenvolvendo um teste que pode diagnosticar em até duas horas a presença do material genético do coronavírus na saliva. Chamado de RT-Lamp, está em fase de validação e já se mostrou eficiente na identificação de outros microrganismos, como dengue e zika.
As amostras usadas pelos pesquisadores foram testadas pelo método PCR (Reação em Cadeia de Polimerase) tradicional e descartadas por um grande laboratório de análises clínicas. “Se tivermos sucesso nessa estratégia, coordenada pela professora Maria Rita Passos Bueno, haveria a vantagem da autocoleta, diminuindo muito o risco de transmissão”, explica Mayana. “O tubo coletor seria colocado na porta do interessado e retirado sem contato entre as pessoas.”
Uma outra linha de pesquisa em andamento no CEGH-CEL quer investigar por que algumas pessoas desenvolvem formas graves e letais de covid-19, enquanto outras têm sintomas leves ou permanecem assintomáticas. “Acreditamos que a resposta está nos nossos genes”, diz Mayana.
Ouça detalhes da coluna Decodificando o DNA clicando no áudio acima.

Decodificando o DNA
A coluna Decodificando o DNA, com a professora Mayana Zatz, vai ao ar quinzenalmente toda quarta-feira às 10h50, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.