Comportamento de Bolsonaro diante do coronavírus não é bem visto pelo eleitor

Indiferença diante do coronavírus custou caro a Bolsonaro, que recebeu panelaços e críticas de diversos setores da sociedade

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, fez uma declaração de que até o final de abril haverá um colapso no sistema de saúde do País, dada a velocidade do avanço do coronavírus. Na mesma entrevista coletiva de que participava o ministro, o presidente Jair Bolsonaro voltou a minimizar o risco da pandemia em resposta a uma pergunta que indagava sobre seu comportamento. Suas declarações e ações vêm sendo objeto de crítica de diversos setores da sociedade. Médicos infectologistas, analistas políticos, jornalistas e parte da opinião pública criticam as ações do presidente que, segundo o professor José  Álvaro Moisés, “parece não ter assumido a liderança necessária para enfrentar uma crise do  tamanho da pandemia que atinge o País”.
O resultado são pesquisas que mostram uma acentuação da perda de prestígio do governante e avaliações negativas relativas ao desempenho de seu governo. Houve panelaços em vários dias da semana, nos mais diferentes locais do Brasil, inclusive em áreas sociais em que Bolsonaro obteve grande quantidade de votos. A confiança dos eleitores e cidadãos está em queda gradativa nos mais diversos segmentos da sociedade. Pesquisas mostram que ele está perdendo a confiança dos empresários e de parte dos segmentos que votaram em sua candidatura nas eleições de 2018. Isso faz crescer uma perspectiva da oposição, que pela primeira vez já fala na possibilidade de impeachment do presidente Jair Bolsonaro.
Acompanhe, pelo link acima, a íntegra da coluna.

Qualidade da Democracia
A coluna A Qualidade da Democracia, com o professor José Álvaro Moisés, vai ao ar toda terça-feria às 8h00, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.