O MAR da Praça Mauá tem a sua morte anunciada

O Museu de Arte do Rio, um dos mais destacados projetos de cultura e requalificação urbana, pode fechar suas portas

“Mais uma triste notícia para todos os brasileiros que vêm também do Rio de Janeiro”, comenta Martin Grossmann em sua coluna Na Cultura o Centro Está em Toda Parte, da Rádio USP (clique e ouça o player acima) O professor lembra o trágico incêndio do Museu Nacional do Rio de Janeiro, em 2 de setembro do ano passado, que destruiu o acervo considerado um dos mais importantes de história natural e de antropologia do continente. “Se, por um lado, constatamos com grande tristeza e vergonha que museus com importantes coleções em chamas não são novidade no Brasil, temos agora o anúncio da morte ou do fechamento do Museu de Arte do Rio de Janeiro.”

 Inaugurado em 1º de março de 2013, o MAR está localizado na Praça Mauá, entre o Centro e a zona portuária. “Não tenho dúvidas em dizer que o MAR, no contexto das artes visuais, é um museu que trouxe grandes novidades e uma singularidade de atuação no contexto urbano do Rio de Janeiro, que é uma referência mundial, considerada uma das cidades mais bonitas do mundo e um marco para todos”, destaca Grossmann. “Há a notícia de que os funcionários já receberam aviso prévio e o museu provavelmente fecha as suas portas se a Prefeitura do Rio não mantiver o contrato de repasse de verbas para o museu.”

O município não repassa as verbas desde setembro ao Instituto Odeon, que gerencia o MAR. O colunista pontua que a atuação do MAR equivale a importantes empreitadas que se destacam pela relação pós-modernista com a sociedade. “Importante observar que temos importantes momentos na história dos museus e o Museu Nacional está nesta trajetória, assim como, em São Paulo, destacamos o Museu de Arte de São Paulo e o Museu de Arte Contemporânea da USP, que, na sua gênese, teve uma gestão extremamente importante e diferenciada.”

Diante da história dos museus em prol da arte e cultura, Martin Grossmann reafirma: “O MAR tem uma dialogia com a sociedade. Criou um espaço maravilhoso com o cidadão”. E protesta: “Fica aqui o alerta para que o ouvinte e leitor da Rádio e Jornal da USP acompanhe essa situação e também se manifeste contrário ao fechamento do Museu de Arte do Rio de Janeiro”.

Mais informações sobre o fechamento do Museu de Arte do Rio (MAR) acesse:

www.forumpermanente.org/imprensa/museu-de-arte-do-rio-mar/museu-de-arte-do-rio-mar

 


Na Cultura, o Centro está em Toda Parte
A coluna Na Cultura o Centro está em Toda Parte, com o professor Martin Grossmann, vai ao ar toda quarta-feira às 9h30, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

.

 

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.