Bienal de Veneza recebe grande público não especializado em arte

Professor Martin Grossmann visita o pavilhão da Bienal de Veneza e conta suas impressões sobre o evento

Prestes a ser encerrada, a 58ª Bienal de Veneza – que se realiza desde maio até o fim deste mês – ainda atrai grande público. Foi o que constatou o professor Martin Grossmann, que visitou o evento na semana passada, como parte de sua viagem de estudos de mais de dois meses pelo Japão e Europa. “É uma bienal que mostra também essa condição de entretenimento”, afirma o professor em sua coluna Na Cultura o Centro Está em Toda Parte, transmitida no dia 13 de novembro de 2019.

“O que me chamou a atenção foi a grande quantidade de público, depois de tantos meses em cartaz. Os espaços estavam lotados, e estamos falando de um período que não é mais de férias, com a  presença marcante de cidadãos da Europa, mas também de asiáticos”, destacou Grossmann. “E se trata de um público que não é só o especializado em arte. Então, a Bienal continua tendo esse papel de fazer com que o grande público se aproxime da arte contemporânea.”

Ouça no link acima a íntegra da coluna.


Na Cultura, o Centro está em Toda Parte
A coluna Na Cultura o Centro está em Toda Parte, com o professor Martin Grossmann, vai ao ar toda quarta-feira às 9h30, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.