Colunista comenta fim da gratuidade para idosos no transporte público de São Paulo

A medida, estabelecida através de um decreto em plena pandemia de covid-19, ocorreu de forma inadequada, segundo Raquel Rolnik

Por

O fim da gratuidade, para idosos com idades entre 60 e 64 anos, já está valendo desde segunda-feira (1º) no transporte público em São Paulo. A medida vale para os ônibus municipais de São Paulo e intermunicipais (EMTU), Metrô e CPTM. A justificativa é a queda no movimento de passageiros, que comprometeu o equilíbrio financeiro do contrato, por isso a determinação da Prefeitura de São Paulo e do governo estadual.

A colunista Raquel Rolnik entende que isso ocorre em um momento de muita dificuldade para grande parte das pessoas, principalmente os idosos, que vivem de aposentadoria ou pensão.


Cidade para Todos
A coluna Cidade para Todos, com a professora Raquel Rolnik, vai ao ar toda quinta-feira às 8h30, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.