China apresenta planos do governo para os próximos anos

Rubens Barbosa explica os principais pontos levantados em reunião do Partido Comunista Chinês sobre projetos de médio e de longo prazo

 17/11/2020 - Publicado há 1 ano

Na coluna de hoje (17), o embaixador Rubens Barbosa comenta sobre as novas prioridades chinesas em um novo plano quinquenal econômico estipulado pelo Partido Comunista Chinês. Ele conta que “as incertezas derivadas da confrontação com os Estados Unidos e da covid-19 afetaram o desempenho econômico do país, mas não tiveram influência na definição das projeções de médio e de longo prazo”.

O governo chinês manteve a retórica de “paz e desenvolvimento”. A partir da leitura dos documentos da reunião partidária que definiu esses planos, pode-se perceber que as incertezas do cenário global influenciaram na criação de três ajustes especiais. O primeiro diz respeito à potência da economia, abandonando a ênfase no crescimento econômico e focando no aumento significativo do poderio tecnológico até 2035, com foco em questões estruturais e de qualidade de vida. Segundo, na necessidade de autossuficiência, dadas as restrições dos Estados Unidos, que provocaram a mudança de perspectiva em relação à dependência de tecnologias do exterior e instigaram o desejo por reconhecimento em inovação. Por fim, o terceiro trata da importância sobre a mudança do clima, que passou a ser uma prioridade estratégica de ganhar prestígio global com a preocupação com questões ambientais.

Saiba mais ouvindo a coluna Diplomacia e Interesse Nacional na íntegra.


Diplomacia e Interesse Nacional
A coluna Diplomacia e Interesse Nacional, com o professor Rubens Barbosa, vai ao ar toda terça-feira às 8h30, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.