USP adquire sequenciador genético de última geração

Equipamento adquirido pelo Centro de Estudos sobre o Genoma Humano e Células-Tronco permite analisar quase todos os genes humanos em um tempo reduzido

Dia 29 de fevereiro é o Dia Mundial das Doenças Raras. Para comemorar a data, a professora Mayana Zatz traz uma boa notícia: o Centro de Estudos sobre o Genoma Humano e Células-Tronco da USP, do qual Mayana é coordenadora, adquiriu um sequenciador de DNA de última geração. “Esse equipamento permite um salto qualitativo e quantitativo na análise genômica, o que chamamos de NGS – do inglês Next Generation Sequence“, explica.

Muitas pessoas portadoras de doenças raras não têm acesso a um diagnóstico molecular preciso, dificultando o tratamento direcionado e eficaz. O diagnóstico precoce permite uma orientação correta, a prevenção de novos casos em família de risco e encaminhamento dos pacientes para programas assistenciais. O equipamento instalado no Centro do Genoma da USP é o único no Brasil em uma instituição pública e estará disponível em breve para a população que não tem meios para pagar os testes oferecidos pelos laboratórios particulares. “Além disso, esse equipamento será fundamental para avançarmos nas pesquisas, identificando novos genes associados a doenças raras e a frequência das mutações responsáveis pelas doenças genéticas mais comuns em nossa população”, destaca Mayana.

Para saber mais, clique no áudio acima.


Decodificando o DNA
A coluna Decodificando o DNA, com a professora Mayana Zatz, vai ao ar quinzenalmente toda quarta-feira às 10h50, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.