Capitalismo iliberal domina o século 21

Segundo Gilson Schwartz, o capitalismo não apenas convive muito bem com a desinformação, como esse fenômeno sempre foi uma fonte essencial da acumulação de capital

 

Nem golpe nem impeachment. No Brasil, como em vários outros países civilizados e até mesmo exemplares do que já foi o capitalismo liberal, como a Inglaterra, ganha cada vez mais força e estabilidade uma nova forma de economia capitalista com um regime político definido como “iliberal”. O fato que a gente percebe, ainda com muito espanto no Brasil, é que o capitalismo convive muito bem com regimes políticos que não são propriamente ditaduras, mas ficam dia a dia mais longe do que estamos acostumados a ver como sistemas políticos liberais.

O professor Schwartz lembra que “o capitalismo não apenas convive muito bem com a desinformação, como esse fenômeno sempre foi uma fonte essencial da acumulação de capital. A especulação financeira nada mais é do que um caso extremo da criação de ficções, são ícones do que vai ter valor no futuro que, muitas vezes, não passam de fabricações fantasiosas. É um tipo de fake news em um sentido bem amplo”.

 

 

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.