Ao longo do tempo o rock traz em suas canções os ideais de várias gerações

Mario De Vivo traz músicas carregadas de ideais que representam socialmente uma geração

 20/06/2021 - Publicado há 4 meses

No programa desta semana História do Rock, Mario De Vivo apresenta músicas com a ideologia de gerações. O programa começa com a música My generation, da banda The Who; a música é de 1965 e tem a famosa frase “tomara que eu morra antes de ficar velho”. Ainda seguindo essa linha de “se encontrar” temos a música de 1975 na performance de Rita Lee e Tutti Frutti, Ovelha Negra, e, encerrando a geração de rocks clássicos, a música She’s Leaving Home, dos Beatles.

No final da década de 1960 as músicas de punk eram contra o rock clássico e um exemplo é a música Seventeen. Na canção, a banda The Sex Pistols diz não se interessar por cabelos grandes – marca da geração do rock anterior. No ano de 1995, a banda Ramones lança a música I Don’t Wanna Grow Up.

De Vivo encerra o episódio do História do Rock desta semana com a música All The Young Dudes, do cantor David Bowie, e uma reflexão sobre as sociedades tradicionais.

Os ouvintes podem enviar sugestões e comentários para o e-mail: ouvinte@usp.br 


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.