“Alfredo Bosi está entre nós de forma indelével”

Para Grossmann, no pluralismo e diversidade de uma universidade como a USP poder contar com um polímata da estrutura e humanidade de Alfredo Bosi não é só privilégio, mas uma grande diferença

 14/04/2021 - Publicado há 8 meses
Por

 

O professor Martin Grossmann homenageia Alfredo Bosi em sua coluna Na Cultura, o Centro Está em Toda Parte, da Rádio USP (clique e ouça o player acima). “Intelectual, erudito, honorário, emérito, imortal, mas humano. Muito humano…”. É assim que o colunista guarda Alfredo Bosi em suas memórias, especialmente no convívio no Instituto de Estudos Avançados, onde atuavam como diretores.

Grossmann lembra o último livro do mestre, Arte e Conhecimento em Leonardo da Vinci, lançado em 2018 pela Edusp. “Bosi descreve o polímata, dizendo que o artista só alcança a liberdade depois de ter fixado o olhar com longa e amorosa atenção na variedade prodigiosa do Universo.”

Uma reflexão que, segundo o colunista, cabe como uma luva quando queremos descrever o próprio escritor. “Além de um olhar atento represado por lentes, como descreve em um poema à sua amada, Eclea Bosi, que também nos deixou em 2017, Alfredo Bosi  desenvolveu um poder de escuta singular, seja em suas reflexões , em seus escritos, seja nas participações e no engajamento intramuros na Universidade e também na sociedade, em diversos âmbitos na militância, no ativismo e até em ações humanitárias. No pluralismo e diversidade de uma universidade como a USP poder contar com um polímata da estrutura e humanidade de Alfredo Bosi não é só privilégio, mas uma grande diferença.” Para Grossmann, “Alfredo Bosi está entre nós de forma indelével”.

.


Na Cultura, o Centro está em Toda Parte
A coluna Na Cultura o Centro está em Toda Parte, com o professor Martin Grossmann, vai ao ar toda quarta-feira às 9h30, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

.

 

 

 

 

 

 

 


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.