USP Especiais #72: O malandro é malandro?

Programa percorre a malandragem na música popular brasileira.

Jornal da USP
Jornal da USP
USP Especiais #72: O malandro é malandro?
/

O malandro é um verdadeiro herói do folclore brasileiro – quiçá um símbolo nacional. Nestas condições, não podia deixar de marcar também a música popular. O samba, particularmente, foi um dos palcos favoritos da malandragem, e muitos conhecem a imagem do sambista-malandro, que se opunha aos “manés”, rejeitando a submissão ao trabalho e vivendo na boemia.

Mas a malandragem não é só rosas e o malandro nem sempre desfrutava de sua posição icônica. Neste programa, buscamos compreender melhor a trajetória histórico-musical deste personagem, observando seus movimentos e transformações e perguntando: “será que aquela malandragem, realmente, não existe mais?…”

______________________________________________________________

Créditos do Programa

Roteiro, edição e montagem: Matan Ankava

Apresentação: Valentino Ruy e Pedro Vinci

Supervisão e orientação: Eduardo Vicente

______________________________________________________________

Músicas

O Malandro – Chico Buarque, 1978

Ora, Vejam Só – Sinhô, 1927

O que Será de Mim – Ismael Silva, 1931

Mulher De Malandro – Francisco Alves / Heitor dos Prazeres

Lenço no Pescoço – Wilson Batista, 1933

Rapaz Folgado – Noel Rosa, 1933

O Bonde São Januário – Wilson Batista / Ataulfo Alves, 1940

Senhor Delegado – Germano Mathias, 1957

No Morro do Piolho – Adoniran Barbosa / Osvaldo Moles, 1961

Mulher de Malandro – Geraldo Filme

Charles, Anjo 45 – Jorge Ben Jor, 1969

Malandro – Elza Soares / Jorge Aragão, 1976

Homenagem Ao Malandro – Chico Buarque, 1978

Malandro Moderno – Bezerra da Silva, s/d

Malandro é Malandro e Mané é Mané – Bezerra da Silva, s/d


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.