Monitoramento das mudanças climáticas pode beneficiar cultura do eucalipto

Estudo da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) da USP, em Piracicaba, identificou características de adaptação de plantas de eucalipto a alterações do clima

Por - Editorias: - URL Curta: jornal.usp.br/?p=344038

Monitoramento das mudanças climáticas pode beneficiar cultura do eucalipto
Novos Cientistas

 
 
00:00 / 14:55
 
1X
 

Na entrevista dos Novos Cientistas desta quinta-feira, 6 de agosto, o engenheiro agrônomo Elvis Felipe Elli explicou como desenvolveu sua pesquisa de doutorado sobre a produtividade de eucaliptos no Brasil em relação às mudanças climáticas. Esta edição do podcast contou com a participação do jornalista Caio Albuquerque, da Esalq.

Elvis Elli lembrou que o Brasil é o maior produtor mundial de eucaliptos, sendo o Estado de Minas Gerais o que mais produz em território nacional. Em sua pesquisa, que foi feita sob orientação do professor Paulo Cesar Sentelhas, o engenheiro identificou características de planta que poderão trazer vantagens adaptativas sob os diversos cenários de mudanças climáticas do País.

Em seu estudo, utilizou técnicas de modelagem combinadas com um método estatístico chamado “análise de sensibilidade global”, para identificar quais as características mais influentes na produtividade de florestas de eucalipto em 23 ambientes de produção espalhados por todo o Brasil. “O objetivo foi identificar se as características mais influentes atualmente na produtividade serão as mesmas em climas futuros, ou se novas características ganharão importância, contou o engenheiro. Os resultados da pesquisa foram recentemente publicados na revista In silico Plants. O trabalho também teve a participação de pesquisadores do Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais (Ipef) e do instituto de pesquisa Australiano CSIRO (Commonwealth Scientific and Industrial Research Organisation), onde Elvis Elli realizou um período de intercâmbio.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.