Momento Tecnologia #16: Algoritmos ajudam no desenvolvimento de próteses nasais

Um projeto da USP que une os cursos de Odontologia e Engenharia Mecatrônica tem o objetivo de produzir próteses bucomaxilofaciais, como a nasal. Para isso, a ideia é utilizar algoritmos de inteligência artificial que possam recriar a imagem do nariz de um paciente de forma harmônica e baseada em bancos de imagens. Além disso, os pesquisadores estão criando uma impressora 3D específica para fabricar próteses.
O projeto ainda está em fase de desenvolvimento e promete agregar múltiplas áreas do conhecimento tecnológico. Um dos fatores que explicam sua importância é a capacidade de melhorar o psicológico do indivíduo na questão estética, ajudando-o na readaptação à vida em sociedade

Por - Editorias: - URL Curta: jornal.usp.br/?p=273044

Momento Tecnologia #16: Algoritmos ajudam no desenvolvimento de próteses nasais
Momento Tecnologia - USP

 
 
00:00 / 10:04
 
1X
 

Tecnologias relacionadas ao desenvolvimento de próteses se expandiram, e hoje podem ajudar tanto atletas de alto rendimento quanto pacientes que sofreram diferentes tipos de perdas. As chamadas próteses bucomaxilofaciais, por exemplo, é uma especialidade odontológica que confecciona partes como olhos, orelhas e nariz.

Um projeto da Faculdade de Odontologia (FO) e do Departamento de Engenharia Mecatrônica da Escola Politécnica (Poli), ambos da USP , tem como objetivo produzir próteses nasais harmônicas para cada paciente, valendo-se não só de técnicas de modelagem odontológicas, mas também de inteligência artificial e impressão 3D. 

A ideia consiste em usar um banco de dados com muitas fotos que possam servir de base para a formação da imagem do paciente com um tipo de nariz harmônico. A professora associada Neide Pena Couto, do Departamento de Cirurgia, Prótese e Traumatologia Maxilofacial da FO, conta que os pesquisadores estão envolvidos “na criação de um programa onde, por meio de fotografias de frente e de perfil, a gente consiga alimentar as informações até por imagens feitas em celulares nesse computador, para que ele possa construir, então, a imagem de um nariz 3D ideal para esse paciente, baseado nas medidas e no conhecimento de antropometria. Depois nós apenas fazemos alguns ajustes finais”.

Eduardo Cabral, professor do Departamento de Engenharia Mecatrônica da Escola Politécnica, conta que até o final do ano esse projeto poderá ser finalizado. Para que isso aconteça, falta apenas treinar a inteligência artificial e ajustar alguns pontos na máquina de impressão 3D construída exclusivamente para esse fim. Este episódio do podcast Momento Tecnologia aborda o processo de desenvolvimento dessas técnicas e seus benefícios ao paciente, que recupera sua autoestima e tem uma melhor reabilitação social com a prótese.

Ficha técnica

Reportagem e apresentação: André Netto

Edição de Áudio e Sonorização: Tabita Said

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.