Momento Cidade #56: Como surgiram as prisões na cidade de São Paulo?

Nesta edição, a entrevistada é Marina Lima Ferreira, autora da dissertação “Academia, pena e prisão na cidade de São Paulo (1822-1930)”, defendida na Faculdade de Direito da USP

Por
Jornal da USP
Jornal da USP
Momento Cidade #56: Como surgiram as prisões na cidade de São Paulo?
/

Para entender como as prisões surgiram na cidade de São Paulo, o Momento Cidade desta semana entrevista a pesquisadora Marina Lima Ferreira, autora da dissertação Academia, pena e prisão na cidade de São Paulo (1822-1930), orientada pela professora Ana Elisa Bechara e defendida na Faculdade de Direito (FD) da USP.

Na pesquisa, Marina investiga o passado do sistema penitenciário paulista e sua relação com a Academia de Direito. O período estudado vai de 1822, com a Independência do Brasil, até 1930, início da Era Vargas e fim da República Velha. Marina analisou documentos, leis, decretos e periódicos na época para entender como o ambiente acadêmico influenciava nos discursos sobre pena e prisão no passado.

Segundo a pesquisadora, é importante conhecer a história do sistema carcerário para solucionar os problemas existentes nos dias atuais. Além disso, estudos como este são essenciais para fundamentar propostas para mudanças efetivas.

A dissertação de mestrado completa pode ser acessada neste link.

Ouça o podcast na íntegra no player acima. Siga no Spotify, no Apple Podcasts ou no seu aplicativo de podcast favorito.

Ficha técnica
Reportagem: Karina Tarasiuk
Produção: Denis Pacheco
Composição Musical e Edição de Som: André Leite e Guilherme Fiorentini


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.