Em dia com o Direito #3 Dia Internacional da Mulher é data para reflexão e comemoração

Mesmo que a Constituição Federal de 1988 assegure direitos iguais, as mulheres precisam lutar para conquistá-los e isso é motivo de comemoração, segundo professora da UFG

Jornal da USP
Jornal da USP
Em dia com o Direito #3 Dia Internacional da Mulher é data para reflexão e comemoração
/

O podcast Em dia com o Direito desta semana fala sobre as reflexões importantes que o Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de março, proporcionam e que precisam ser feitas sobre a luta das mulheres em busca de seus direitos, inclusive na área das ciências. No Brasil, os direitos de igualdade de condições entre mulheres e homens estão garantidos no Art. 5 da Constituição Federal de 1988.

Quem chama a atenção para a importância dessas reflexões é a professora Maria Cristina Vidotte Blanco Tarrega, da Universidade Federal de Goiás (UFG), que conta as dificuldades de sua trajetória acadêmica pelo fato de ser mulher e as conquistas adquiridas ao longo da carreira.

Maria Cristina aponta o alto grau de violência que as mulheres sofrem nas lutas sociais e diz que, embora a luta seja grande em muitos aspectos da vida para que a mulher alcance as condições de igualdade com os homens, há muito a se comemorar. “Tudo o que a mulher conquistou em termos de direitos foi fruto de luta, nada foi conquistado à base de concessões, por isso é preciso comemorar muito e avançar nas lutas e conquistas”, finaliza.

O podcast é produzido pela Faculdade de Direito de Ribeirão Preto (FDRP) da USP, com Coordenação do professor Nuno Coelho. Ouça no link acima a íntegra do boletim Em dia com o Direito.


EM DIA COM O DIREITO
Produção: Professor Nuno Coelho da Faculdade de Direito de Ribeirão Preto
Coprodução e apresentação: Rosemeire Talamone
Edição: Rádio USP Ribeirão Preto
Você pode sintonizar a Rádio USP em Ribeirão Preto FM 107.9, pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo no celular para Android e iOS.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.